Por que ser um Designer Especialista?

Olá caro leitor, se você leu o meu artigo anterior (Link) e não se identificou, então é aqui que você vai se sentir em casa. Esse aqui seria uma parte dois mostrando o outro lado da moeda, que são os Designers Especialistas.

Eu iniciei querendo fazer somente um artigo, englobando vários pontos entre Generalista e Especialista. Porém ao decorrer, analisei pontos que vale ressaltar separadamente e por fim decidi fazer essas duas partes.

Lembrando que comentei bastante sobre isso no artigo anterior, então dá uma passada lá caso você não tenha lido ou para relembrar alguma coisa, fique a vontade.


O que é um Designer Especialista?

Como mencionado no antigo anterior, a carreira de design pode ser seguida em vários pilares (que podem ser chamados de serviços também) como exemplo: Design de Marcas, Design Gráfico, Web Design, UI Design e alguns mais. E assim como um Designer Generalista atende vários deles ao mesmo tempo com um orçamento baixo, o Designer Especialista é justamente o contrário, ele é especialista em cada um deles. É focado em apenas um ou dois pilares, o orçamento e prazo é maior e ele tem menos projetos mensais. Não é recomendado para os clientes que não querem gastar muito.

Como ser um Designer Especialista?

É difícil, acredite. Ele foca seu tempo estudando e aperfeiçoando o Skill somente naquele pilar. Ele busca todo o tipo de teoria, prática e conceitos e qualquer outra coisa que otimize seu trabalho buscando a qualidade impecável de um belo Designer Especialista.

Isso leva muito tempo, e muito estudo, consumo de conteúdo, muitos livros a respeito, a maioria deles segue uma faculdade e mestrado específicos, então temos uma noção do poder da palavra especialista.

Um Designer Especialista geralmente nasce de um Designer Generalista iniciante, que está ali começando e experimentando de tudo, depois de alguns anos de experiência ele atinge uma maturidade de admitir e isolar seu Skill somente naquele pilar, focando todo seu treino a ele. Mas claro, como tudo tem suas consequências, velhos clientes podem voltar e pedir aquele Layout, sendo que hoje em dia você por ser especialista em marcas por exemplo, talvez não atenda por causa em não atingir a qualidade que você quer, acontece.

E em raras ocasiões acontece de um Designer Especialista entrar mercado já pronto depois de muito tempo de estudo, pronto para mandar bala, um dia quero conhecer um cara desses.

Porque ser especialista é tão importante?

Faz sentido eu ser um Especialista e atender outros pilares?

Com certeza faz, mas depende muito da demanda e o que seus clientes vão pedir por exemplo, Você é um especialista em Marcas, mas você não vai negar um cartão de visita fazendo os arquivos finais (.pdf x1-a) para o seu cliente né? Essas coisas básicas, ou melhor, esses pilares que são próximos a aquele que você é especialista, ou no qual o seu DNA arde mais forte, e é importante saber sim, todo o conhecimento é válido.

Como eu já mencionei “Um Designer Especialista geralmente nasce de um Designer Generalista iniciante” ou seja, ele já tem experiencia nisso, então dependendo do cliente ou da necessidade, ele vai atender no que poder graças a experiências passadas de trabalho ou com o próprio cliente.

Vale a pena levando o mercado em consideração?

É bem flexível, o orçamento de um Designer Especialista não é baixo e o tempo que ele leva de trabalho é maior, já ouvi prazos mínimos de 40 dias. Porém para os clientes que estão dispostos a gastar mais já podem esperar uma qualidade proporcional ao investimento.

Projetos longos de marca tem muita teoria, já vi manuais de marca e identidade visual incríveis feitos por Designers Especialistas, e a maioria dos Designers que eu sigo são especialistas, então o objetivo deles é chegar e entregar exatamente o que o cliente precisa. O briefing costuma ser impecável, chegando a ter somente uma reunião com todas as perguntas necessárias para elaboração do projeto, claro que não tem uma receita de bolo para isso, como eu disse antes, isso é experiência.

É recomendado?

Vai de cada um, porque como o Generalista opita por uma outra metodologia de trabalho diferente do Especialista, então depende do tipo e perfil de trabalho que você quer atender. Mas claro, não adianta adotar uma metodologia sendo que sua demanda é completamente diferente, as duas tem que andar juntas.


Obrigado por ler até aqui e espero ter mostrado bem o outro lado da moeda que são esses caras bem solitários. As vezes fico olhando o Behance e encontrando projetos de deixar de boca aberta e me deixando muito inspirado. Até a próxima :)