Que tal consumir orgânicos pagando com Bitcoin?

Como unir a essência dos produtos orgânicos, saudáveis, sustentáveis e feitos a mão por produtores locais com a tecnologia das criptomoedas? A Bancryp é a solução.

Mais uma vez a Bancryp inova em suas ações e experiências para usuários de criptomoedas no Brasil. Dessa vez, a Bancryp transformou o cenário de uma feira orgânica para que todos os produtores pudessem aceitar Bitcoin como forma de pagamento em seus produtos através de uma experiência única e transformadora com suas soluções.

Proporcionar a experiencia para produtores locais se colocarem a frente do mercado de uma forma tão inovadora faz com que a Bancryp crie um ecossistema que une pessoas de todos os segmentos com a tecnologia. Se aproximar de públicos diversos e simplificar o uso das criptomoedas transforma o cotidiano de quem nunca pôde utilizar antes, por conta da complexidade ou por não existir tecnologia de processamento das criptomoedas em tempo real.

A Feira Noturna é um movimento inovador formatado em um negócio coletivo de impacto social, fundamentado na fluxonomia 4D, na economia criativa e nos objetivos estabelecidos pela ONU para o desenvolvimento sustentável (para saber mais clique aqui).

Bel Zanella em uma roda de conversa sobre produtos orgânicos

“Nossa intenção é diminuir a distância de quem produz e quem consome, disponibilizar alimentos saudáveis e incentivar a agroecologia, promovendo a cultura e o desenvolvimento local e o senso de humanidade, além de unir tudo isso à tecnologia e à inovação.” — comenta Bel Zanella, que idealizou a primeira Feira Orgânica Noturna em 2015, quando ainda morava em São Paulo e era proprietária de um restaurante de comida orgânica.

Confira o vídeo:

Para a Bancryp, estar presente em uma Feira Orgânica faz parte do plano de tornar a tecnologia das criptomoedas acessível a todas as pessoas comuns, mostrando como é simples adquirir, aceitar e utilizar Bitcoins como uma forma de pagamento.

“Nós trabalhamos para proporcionar experiências únicas para todas as pessoas que possuem criptomoedas, transformando o cotidiano não só de quem paga mas também de quem passa a receber através da tecnologia Bancryp” — Afirma o CCO Alessandro Gomes.

Fique atento aos nossos canais oficiais:

Telegram: https://t.me/bancrypEN

Facebook: https://goo.gl/uSFiLb

Instagram: https://goo.gl/UfKeSr

Twitter: https://goo.gl/8CbCms

Medium: https://goo.gl/tUawqp

YouTube: https://goo.gl/LmkeD2

Suporte Online: http://bancryp.com/