Sou Sueli, uma benzedeira que mora na Barra da Lagoa! “A benzedura já é do começo do mundo”

Pedro
Pedro
Sep 2, 2018 · 4 min read

Dona Sueli conta que, aos oito anos de idade, passou a ter problemas espirituais e sua família procurava sempre uma benzedeira para resolver a situação e que um dia ela lhe disse: “Quando eu morrer, tu vai ficá no meu lugar”. Essa senhora faleceu quando dona Sueli tinha cerca de 15 anos e, desde então, passou a benzer. Seu primeiro benzimento foi de arca caída: “Fui benzê a criança de arca caída e não benzi de arca caída, eu benzi a benzedura que ela sabia e que aprendi. Essa benzedura que eu faço hoje, comecei a benzer, tô com 67 anos, benzo há 40 e poucos já. Então, vem muita gente aqui e não vivo disso, não cobro nada. As pessoas contribuem com alguma coisa porque querem! ”.

As doações recebidas, em forma de agradecimento, dona Sueli costuma utilizar para fazer a festa de Cosme e Damião junto com a festa de Nossa Senhora Aparecida. “Eu faço tudo junto, e faço em dezembro. Até o ano passado, eu fazia em dezembro e dava um presentinho pra criança de 0 a 6 anos”.

Ainda não ensinou sua benzedura para alguém, pois além da pessoa ter que querer e fazer de coração, é necessário ter o dom. “[…] não adianta você, assim ó, você pode decorar a minha benzedura, mas não tem efeito porque você não possui o dom. Agora se você tem dom e vontade de coração, você vai conseguir”.

Dona Sueli recebe pessoas do Brasil todo em busca da sua benzedura. Já foi procurada por pessoas de Belo Horizonte, Ouro Preto, Rio de Janeiro, São Paulo e, às vezes, ligações com pedidos de oração, a que a benzedeira atende, prontamente, escrevendo o nome da pessoa em seu caderninho.

Ela conta que a benzedura existe desde o começo do mundo, mas antigamente as pessoas tinham medo ou receio.

Agrademos à dona Sueli por nos receber, benzer e compartilhar conosco sua oração:

“Pai, filho, Espírito Santo. Deus, meu Jesus, Pai infinito e misericordioso, e a vós eu peço, neste momento, seja descido e recaído sobre o corpo dessas duas tuas filhas, Jesus. Acham-se necessitadas para receber a graça, para serem curadas pelo amor de vós. Eu lhe benzo com as três pessoas da Santíssima Trindade, é o Pai e é o filho, é o Espírito Santo acompanhando as 5 chagas de Nosso Senhor Jesus Cristo. Tens quebrante, pegaste, no teu comer, no teu beber, no teu dormir, na tua casa, no teu quarto dormindo, no teu trabalho, no espaço de tua vida. Doença que tiveres na pele ou no sangue ou na carne ou no nervo ou nos ossos é cortada, levada e jogada nas ondas do mar sagrado. Se não comes, comerás, se não dormes, dormirás, o anjo de tua guarda será o teu bom guia e o teu advogado a advogar do teu lado direito, às costas e à frente. Nos passos de tua vida, pras onda do mar, teu mal será levado em nome de Jesus. És forte e rijo como o Jesus no ventre da Virgem Maria, os nove meses sem comer e sem beber, ele foi alimentado, ele foi abençoado. Peço misericórdia de Deus, e o divino Espírito Santo vai derramando sobre o teu corpo sagrado. Com essas palavras o teu corpo há de ser curado, fortificado. Olhos de raiva, olhos atravessados, olho grande, admiração, que no teu corpo, ou na tua casa, no teu quarto de dormir, no teu trabalho está entranhado, será retirado em nome de Jesus. O alecrim é verde e abençoado não foi plantado nem semeado, da água de Cristo ele foi gerado e teu corpo há de ser livrado e curado de todo mal. É a virgem eterna, é a vós bradamos, é a chave do sacrário sendo servida a fechar o corpo destas duas filhas Jesus, levando toda a maldade. Ave-Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte amém! Jesus, Pai Nosso que estais no céu, santificado seja o vosso nome, venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como é feita no céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje, perdoai, Senhor, as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores. Não nos deixe, Senhor, cair em tentações, livra essas tuas duas filhas, Jesus, de todo mal, que assim seja. Essas preces eu ofereço e entrego a Jesus e a Mãe Maria Santíssima. O anjo de guarda, o divino Espírito Santo que cubra com seu sagrado manto, em nome de Jesus, que assim seja. Pai, Filho e Espírito Santo, Jesus abençoe vocês, dê muita saúde e paz, é a minha benzedura”.

benzedeiras

Histórias sobre as benzedeiras de Florianópolis

    Pedro

    Written by

    Pedro

    benzedeiras

    Histórias sobre as benzedeiras de Florianópolis

    Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
    Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
    Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade