Saia da internet e vá ler um livro

Todas as dicas de livros que já passaram pela Bits to Brands

Beatriz Guarezi
Nov 28, 2019 · 9 min read

Pessoalmente, eu sempre fui apaixonada por ler. Carrego um livro comigo embaixo do braço desde que me conheço por gente, e a sensação de uma história tão boa que você não consegue largar nem para dormir é uma das minhas favoritas no mundo.

Dedico este espaço e todas essas recomendações àqueles que, assim como eu, buscam nos livros companhia e conselho, além de desenvolvimento pessoal e profissional.

Vale ressaltar que todo livro que eu leio há quase três anos, leio no Kindle. Escrevi uma review completa sobre o e-reader aqui, e não tenho dúvidas de que ele mudou meus hábitos e me ajuda a ler muito mais.

Confira aqui o Kindle 10a geração, e aqui o Kindle Paperwhite.

Desenvolvimento Pessoal

Eu descobri quem era Sheryl Sandberg não por ela ser COO do Facebook, mas quando a carta que ela escreveu para o marido que havia falecido 30 dias antes viralizou em 2015.

Ela encerra o texto falando sobre como vai viver ao máximo o seu “plano B”, já que o “plano A” não está mais disponível. Anos depois, ela escreveu em parceria com Adam Grant esse livro sobre luto, superação e resiliência. É daqueles que todo mundo tem que ler.

Compre aqui.

Recomendo muito a leitura da biografia da Michelle. Acompanhar esse período da nossa história recente pela perspectiva dela, além de saber mais da sua família e das suas origens, me inspirou profundamente.

O livro já começa muito bom, mas fica impossível de largar na fase em que ela casa com Barack e eles começam a campanha.

Compre aqui.

Vulnerabilidade é ponto de partida e de chegada de muitos dos meus processos, e Brené Brown tem o dom de tratar esse tema com muita leveza. “A Coragem de Ser Imperfeito” foi um dos livros que eu mais sublinhei, e com frequência eu volto para reler aquelas frases.

Compre aqui.

Um grande resumo das verdades inconvenientes e da descontrução de mitos que fez o Startup da Real o fenômeno que é. Fora a qualidade de escrita e argumentação.

Compre aqui.

Shonda Rhimes é um dos maiores nomes do entretenimento atual. Ela quebrou várias barreiras no “prime time” americano, incluindo protagonistas negras, um elenco totalmente diverso e todo tipo de temática controversa.

Mesmo que você seja daqueles que odeia Grey’s Anatomy (como é possível!!), esse livro é interessante e inspirador. É a história das decisões de vida que a trouxeram até aqui — a principal delas, dizer “sim”.

Compre aqui.

“Roube como um artista — o diário” é um livro só de exercícios de criatividade, que vão de “monte uma playlist” a “crie uma legenda para esse objeto” e “escreva uma carta”. Tem sido muito legal fazer um por dia e exercitar esse lado. Recomendo.

Compre aqui.

Das dicas práticas como uso de imagens e preparação de roteiro, às mais profundas como não questionar a sua capacidade de estar em cima de um palco, esse livro é muito útil.

Para quem faz apresentações em salas pequenas no dia a dia de trabalho, ou quem está se arriscando no universo das palestras (como eu), recomendo demais a leitura.

Compre aqui.

Old but gold. Uma expressão pra descrever coisas que não são exatamente atuais, mas não perdem jamais o valor.

Esse livro é uma delas. As lições de storytelling, liderança e cultura são todas ancoradas nos bastidores de filmes da Pixar. É leitura corporativa, mas bem leve. Presente ótimo pro amigo secreto da firma.

Compre aqui.

Vem janeiro, a gente escreve um monte de resoluções, aí as semanas vão passando e EITA, como que tira do papel? Estou buscando ferramentas para tornar minhas grandes resoluções hábitos, e acompanhá-las todos os dias.

Nesse processo, lembrei do Poder do Hábito. Relendo algumas páginas, achei tão útil quanto há anos atrás, quando li pela primeira vez. Leitura rápida e menos auto ajuda do que parece. Boa para início de ano e colocar mudanças em prática.

Compre aqui.

Uma aula de meditação guiada me fez lembrar desse livro que li em 2017, e que me fez querer começar a meditar. 10% Mais Feliz é escrito por um cético, para céticos, mas ao final você está convicto de que é um hábito que só pode fazer bem. Sigo na luta para incorporá-lo ao dia a dia — e aceitando dicas de apps que ajudem no processo :)

Compre aqui.

Mais um para a coleção de “livros que eu demorei tempo demais para ler”. Espero que não vá para a sua! Da mesma autora de “Comer, Rezar e Amar”, “A Grande Magia” é ao mesmo tempo um guia do processo criativo e uma homenagem aos momentos de inspiração que movem as grandes histórias. É fácil de ler, muito bonito e extremamente inspirador.

Compre aqui.

Minha maior “guia” quando o assunto é desenvolvimento pessoal, e um dos livros que me ensinou (e transformou) muito.

Compre aqui.

A história de um dos maiores executivos do mundo, contada desde quando ele era um assistente de produção, de um jeito super leve e fácil de se identificar. Sim, a gente tem muito mais em comum do que imagina com o CEO da Disney :)

Compre aqui.

Tecnologia e tendências

Um dos livros que eu mais recomendo, e que se torna mais necessário a cada movimento das big tech. Scott Galloway explora as quatro maiores empresas de tecnologia do mundo (Facebook, Google, Apple e Amazon) — o que elas tem em comum, as revoluções que causaram nos seus respectivos mercados, seu impacto nas nossas vidas e o que toda marca pode aprender com elas.

Compre aqui.

“Há muitas coisas que governos, corporações e indivíduos podem fazer para evitar a mudança climática. Mas para que sejam eficazes devem ser feitas num nível global. Quando se trata de clima, os países simplesmente não são soberanos. Estão à mercê de ações realizadas por pessoas no outro lado do planeta.”

Eu li esse livro no início de 2019, e ele me ajudou muito a interpretar os acontecimentos. “21 Lições” é essencial para entender o mundo (e o caos) em que estamos inseridos.

Compre aqui.

Neste livro, o futurista Rohit Bhargava conta mais sobre o processo de identificar e mapear suas “non-obvious trends” que são aguardadas ansiosamente ano após ano.

Além disso, dedica um capítulo para cada uma das grandes tendências que identificou para os próximos tempos. É preciso ler com um “filtro” de Covid, mas o conteúdo segue relevante.

Compre aqui.

O mais recente livro do escritor cujo conteúdo nas redes sociais vem me inspirando muito. (Está na minha lista de compras!)

Compre aqui.

Outra grande inspiração, a futurista que todo ano marca presença (e explode mentes) no SXSW e sua análise sobre os 9 “titãs”(Amazon, Google, Facebook, Tencent, Baidu, Alibaba, Microsoft, IBM e Apple) e como eles vão moldar o nosso futuro.

Compre aqui.

Acabou de ser lançado (nov/2020), então é uma novidade fresquinha. Inclui análise, recomendações e previsões do prof. G para um mundo pós-Corona. Certamente ocupará as listas de mais vendidos nos próximos meses.

Compre aqui.

Marketing e Branding

“Brand Sense”, do Martin Lindstrom, fala sobre como marcas constroem valor através de experiências sensoriais. Entre elas, o som. Foi um dos primeiros que eu li, e certamente me inspirou a seguir carreira em branding.

Vale notar que é um livro pré-redes sociais e assistentes de voz. Mesmo assim, o esforço para atualizar seus conceitos para o nosso contexto vale a pena.

Compre aqui.

Seth Godin é uma das principais referências em marketing hoje. Seu último lançamento, “Isso é Marketing”, bota o dedo na ferida da falta de humanização e empatia com o consumidor que tem se tornado o marketing, uma frase leve de cada vez.

Compre aqui.

O livro mais recente de um autor que vem embasando estudos e estratégias de marca há décadas. Funciona quase como resumo e atualização de toda a sua teoria. Quando o assunto é metodologia de branding, Aaker come o Google no café da manhã.

Compre aqui.

Ficção

(Um dos meus melhores hábitos é intercalar leituras mais densas com livros de ficção. Descobri que elas me ajudam a manter o hábito e cultivar o prazer de ler — que depois me ajuda a devorar os livros mais profundos).

Um desses livros que não dá para parar de ler. Da mesma autora de Big Little Lies (o livro que inspirou a série), “Nove Desconhecidos” é cheio de plot twists e a protagonista é uma rabugenta impossível de não se identificar.

Compre aqui.

Eu já tinha visto muitas recomendações a Valter Hugo Mãe, e escolhi começar por O Filho de Mil Homens. É uma história que vai se desenrolando uma pessoa de cada vez, conforme você vai conhecendo a origem de cada um deles. pais, mães, filhos, esposas e suas histórias de vida e como uma foi influenciando a outra.

É um livro sem começo-meio-e-fim, mas com muita poesia pra compensar. :)

Compre aqui.

Eu não acredito que levei tanto tempo até chegar a esse clássico, e não quero que ninguém mais se sinta assim. “O Sol é para todos” é tão sensível quanto necessário, tão leve quanto extremamente reflexivo.

É a história de uma pequena cidade do interior nos anos 40, em meio a um julgamento polêmico, cujo réu é um homem negro. Narrada pela filha pequena do advogado de defesa. Terminei recentemente e já sinto saudades.

Compre aqui.

Em tempos de ansiedade, eu gosto de recorrer àqueles livros em que a gente mergulha, e não quer sair até terminar. Viver uma realidade paralela, mesmo que por uns dias, me ajuda verdadeiramente a desconectar. “Pequenos incêndios por toda parte” é um deles. O livro abre com um incêndio em uma mansão, e te prende até revelar suas causas — só no final, claro.

(Inclusive, essa história virou uma série da Hulu, estrelada pela Reese Witherspoon e a nossa Olivia Pope, Kerry Washington)

Compre aqui.

Eu li 25% desse livro em um dia (vocês que leem no Kindle também usam porcentagem pra falar de livro agora? Gente doida). Ele cumpre exatamente o que se espera de uma boa história quando você quer se distrair: te prende.

“O Construtor de Pontes” é a história de 5 irmãos. E dos seus pais, avós, e de outras pessoas que cruzaram as suas vidas, ao melhor estilo flashback e flashforward que This is Us faz tão bem. Talvez quem gosta da série, como eu, também vai adorar esse livro — como eu.

Compre aqui.

O melhor livro do ano. Uma história sobre pessoas e suas fragilidades, sobre traumas, sobre terapia, sobre ser humano.

Compre aqui.

Esse é o romance perfeito para você que, assim como eu, cresceu com livros da Meg Cabot embaixo do braço. Pode confiar.

Compre aqui.

Dica do clube do livro da Reese Witherspoon (que disseminou o também ótimo Pequenos Incêndios por Toda Parte), uma história totalmente diferente de qualquer coisa que você já tenha lido.

Compre aqui.

Se esse conteúdo foi útil para você, deixe vários “claps” e compartilhe para que mais pessoas possam encontrá-lo :)

Para receber dicas de livro por e-mail, acompanhados de uma curadoria semanal sobre marcas e tecnologia, inscreva-se na newsletter aqui.

Bits to Brands

tendências de tecnologia e comportamento para marcas

Bits to Brands

tendências de tecnologia e comportamento para marcas. por @beatrizguarezi

Beatriz Guarezi

Written by

estrategista de marcas, curadora de conteúdo e escritora de e-mails. criadora da newsletter Bits to Brands. assine em http://www.bitstobrands.com

Bits to Brands

tendências de tecnologia e comportamento para marcas. por @beatrizguarezi