5 cursos em São Paulo para quem quer aprender a escrever (e publicar) seu próprio livro

Reprodução

Tem gente que acha que escrever é um dom. Mas não é bem assim. Se você tem vontade de escrever um livro ou quer aprender técnicas que melhorem a sua escrita diária, é possível estudar, praticar e dominar essa tarefa. Afinal, o que conta é o interesse e a dedicação, por mais que alguns possam ter mais facilidade para dar o pontapé — como em todas as demais atividades. Reunimos neste post algumas dicas de cursos que acontecem em São Paulo (e um a distância, ou seja, dá para todo mundo participar) nos próximos dias e meses para que você possa botar em prática a escrita e, quem sabe, até assinar o seu próprio livro.

Os cursos reunidos aqui trazem estilos diversos, desde a escrita de textos curtos e do ambiente corporativo até livros de ficção, não ficção ou gêneros específicos, como biografias, contos e crônicas. E, ao final, a dica é mais voltada para a publicação da obra em si — afinal, de nada adianta escrever e deixar o manuscrito aí, não é mesmo? Nesse sentido, o item 5 ajuda o futuro autor a conhecer mais detalhes dos processos editoriais (dos quais já falamos aqui também), o que pode ajudá-lo a abordar de forma mais eficiente grandes e pequenas editoras, ou até mesmo partir para a autopublicação.

1. Curso Escrita Criativa e Afetuosa com Ana Holanda

O workshop, ministrado pela editora-chefe da revista Vida Simples, Ana Holanda, é um mergulho na chamada escrita afetiva, aquela que toca, afeta, marca, conversa verdadeiramente com o outro. E como transformar essa maneira de escrever mais sensível, mais alinhada com quem somos, em textos nos quais o outro também se reconheça. Isso vale para textos mais viscerais, intensos e profundos e ainda para algo mais corriqueiro, do dia a dia, com olhar corporativo. O objetivo é mostrar e ensinar como a palavra (ou o texto) pode ser usada de diferentes maneiras e para fins diversos mas com um único objetivo: cativar, abraçar, envolver quem lê. E deixar, muitas vezes, transbordar a alma do autor.

Quando: 8 de julho, das 10 às 19h.
Onde: Casa Tsol, São Paulo.
Quanto: R$ 590,00.
Inscrição e mais informações aqui.

2. Redação: criatividade na escrita

Escrever de forma correta e bem-estruturada faz toda a diferença no âmbito acadêmico e profissional. O curso tem como objetivo apresentar aos alunosas bases para a compreensão dos elementos que compõem uma boa redação, a identificação dos principais problemas e a formulação de uma redação aprimorada. Por meio de exemplos práticos e exercícios, o curso também fornecerá ferramentas para se escrever de forma mais clara e satisfatória. O professor é Petê Rissati, que trabalha na área de tradução desde 1999, em geral com textos de ficção e não ficção dos idiomas inglês e alemão para grandes editoras brasileiras, além de leitura crítica para essas editoras. Também é autor do romance 'Réquiem: Sonhos Proibidos', publicado pela Terracota em 2012.

Quando: 29 de maio a 15 de junho, às segundas e quartas, das 19 às 22h.
Onde: Belas Artes, São Paulo.
Quanto: R$ 720,00.
Inscrição e mais informações aqui.

3. Laboratório de escrita autobiográfica

Por meio de exercícios práticos e aportes teóricos, o laboratório é uma oportunidade de desenvolver a escrita de gêneros narrativos como o conto, o relato e a crônica. A relação entre trajetórias individuais e a história política e social de nosso tempo apresenta-se como possibilidade de aprimorar um estilo próprio e aprofundar reflexões críticas. É ministrado por Bianca Santana, escritora e jornalista formada pela Faculdade Cásper Líbero, onde é professora. Ela também é autora do livro 'Quando me Descobri Negra', lançado em 2015 pela Sesi-SP.

Quando: 8, 10, 15 e 17 de agosto (às terças e quintas), das 19h30 às 22h.
Onde: Espaço Cult, São Paulo.
Quanto: R$ 480,00.
Inscrição e mais informações aqui.

4. Como escrever um livro de não ficção (EAD)

Tem como objetivo auxiliar a formação de profissionais que já estão em atividade e também aqueles que pretendem vir a atuar na produção de livros de não ficção. O curso é um guia passo a passo de todo o processo de escrita de um livro de não ficção, seja obra de conteúdo técnico, profissional ou de interesse geral. O programa contempla todas as fases, desde a escolha do tema até a divulgação do trabalho. É ministrado por Laura Bacellar, profissional que trabalha em editoras desde 1983 e já ocupou todas as funções editoriais, de estagiária à editora-chefe, além de ter escrito cinco livros como ghostwriter e um com seu próprio nome, 'Escreva seu Livro: Guia Prático de Edição e Publicação', pela Editora Mercuryo.

Quando: junho.
Onde: Casa Educação (ao vivo on-line).
Mais informações aqui.

Produção do livro do autor

Após escrever o livro é hora de publicá-lo. Este curso tem como objetivo proporcionar aos participantes conhecimento específico para a produção e edição de livros de autor, autopublicação e conceitos editoriais e gráficos do mercado independente, em publicações impressas e digitais e sua difusão e comercialização. Também pode ser útil na hora de entrar em contato com editoras em busca de uma publicação tradicional. É ministrado por Vanderley Mendonça, jornalista, designer, tradutor e editor dos selos Demônio Negro e Edith, além de autor do livro 'Iluminuras', publicado pela Patuá em 2013.

Quando: 23 a 26 de maio, das 18h30 às 21h30.
Onde: Universidade do Livro (Unesp), Praça da Sé — São Paulo.
Quanto: R$ 499,00.
Inscrição e mais informações aqui.
Like what you read? Give Jacob Paes a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.