Blogando Bauru 2017 inicia com debate sobre produção de conteúdo por homens

,No agradável auditório do SESI Horto Florestal de Bauru, o 6º Blogando chegou com diversos debates, workshops e palestras. O tema da vez é “Conectando Possibilidades” e o evento é destinado àqueles que têm interesse na área de comunicação nas mídias sociais. Para começar de maneira excepcional e instigar os profissionais e estudantes presentes no local, foi escolhido um debate entre duas figuras masculinas de extrema importância no mundo digital.

A primeira discussão iniciou às 9 horas e teve como tema a “Produção de conteúdo por homens”. O blogueiro e editor de moda masculina Alex Cursino e o redator Raphael Bento ocuparam os dois polos da conversa, apontando as preferências dos homens no universo das mídias sociais, uma área ainda dominada pelas mulheres.

O criador de conteúdo de São José dos Campos, Armindo Ferreira, atuou como mediador do debate, trazendo questões interessantes sobre preconceitos, dicas para se tornar um influenciador digital e qual a verdadeira importância do número de seguidores.

No início do debate, Alex afirmou que é o único homem no Fhits TV e que existe dificuldade em trabalhar num ambiente totalmente feminino. O mercado masculino está começando agora e, segundo ele, é preciso ter paciência para encarar esse tipo de trabalho. “O espaço não está grande, mas está maior do que quando comecei”, salientou.

[caption id=”attachment_3334" align=”aligncenter” width=”750"]

Produção Conteúdo

Alex Cursino, Rapha Bento e Armindo Ferreira na primeira palestra do Blogando Bauru[/caption]

Em seguida, a discussão girou em torno da necessidade de incluir nos conteúdos do dia a dia, pautas como racismo, machismo e homofobia. Rapha Bento acredita que o que vale é uma “uma produção de conteúdo honesta que não esqueça do mundo que tá acontecendo e do seu poder de comunicação.”

Alex também afirmou que pretende, por meio do seu trabalho, “mudar conceitos e preconceitos no mundo masculino”. Sua função é descobrir “o que o homem procura quando está sozinho”. De acordo com ele, as pessoas costumam acreditar que homem não se interessa por moda, mas a verdade é que muitos têm vergonha de mostrar que assistem esse tipo de conteúdo. O blogueiro de moda acredita que o Youtube dá mais espaço para isso, já que os usuários podem fazer perguntas e comentários anonimamente.

As perguntas da plateia através da hashtag #blogandobauru começaram logo depois. Um dos assuntos destacados foi a importância do número de seguidores. Quando questionados se almejam ser grandes no nicho em que trabalham, os produtores de conteúdo responderam que, mais importante que o número de seguidores, é estabelecer uma conversa sincera com os que você já tem. “Ser grande, médio é relativo […] O mais importante é você saber pra quem você tá comunicando e essa conversa ser uma conversa ser sincera”, ressaltou Rapha.

A reflexão que encerrou o debate foi suscitada por Armindo: “não deixem os números definirem vocês […] Faça pela sua paixão. Faça pelo seu brilho nos olhos.”

[caption id=”attachment_3335" align=”aligncenter” width=”750"]

Produção Conteúdo

O debate foi animado e com grande participação do público através das redes sociais![/caption]