A CRISE E A OPORTUNIDADE

O mercado editorial no Brasil teve queda real de 5,2% em 2016. Uma queda que, acumulada aos dois anos anteriores, supera a marca de 20%, segundo números apontados pela última edição da pesquisa Produção e Vendas do Setor Editorial Brasileiro, realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros (Snel) e pela Câmara Brasileira do Livro (CBL). Em contrapartida, o Kindle, plataforma de leitura digital da Amazon, teve um aumento de 90% no seu catálogo desde dezembro de 2014, quando foi lançado.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.