Como uma senha mudou a minha vida.

Os próximos acontecimentos ocorreram entre ☹ e ☺.


“Como ela pôde fazer isso comigo?”, dizia uma voz em minha cabeça. O tempo todo. Todos os dias.

Em 2011, quando tudo no design tinha gradientes, ícones do iOS faziam sentido e pessoas usavam desodorante, eu estava afundado em meio a um surto de depressão bastante forte causado pelo meu divórcio.

Felizmente, acredito que fui inteligente o bastante (e tive ótimas pessoas ao meu redor), o que fez com que eu encontrasse maneiras de voltar à superfície.

Um dia, entrei no escritório e o meu dia começou na tela do meu computador. Tudo estava ótimo, até que vi a seguinte mensagem:


A sua senha expirou. Clique em “Alterar senha” para escolher uma nova senha.

Eu começo a respirar ofegantemente. Olho para a seta do mouse.

Ouvi essa mensagem idiota em minha mente, com a voz de um avô resmungão: A senha expirou.

No meu trabalho, o servidor do Microsoft Exchange está configurado para pedir a milhares de funcionários em todo o planeta que alterem suas senhas. A cada 30 dias.

Isso que é irritante: o servidor nos obriga a usar pelo menos uma letra MAIÚSCULA, pelo menos um caractere alfabético minúsculo, pelo menos um símbolo e pelo menos um número. Ah, e tem toda aquela coisa de não poder ser inferior a 8 caracteres. E também não posso usar nenhuma das senhas que usei nos últimos 3 meses.

Eu estava furioso naquela manhã. Terça-feira, 09h40 — Estava tão quente que havia suor por todo o meu torso, sendo que eu tinha acabado de chegar no trabalho. Eu estava atrasado. Ainda estava com o capacete. Devo ter esquecido de tomar café-da-manhã. Há um gosto de cigarro na minha boca. Preciso fazer outras coisas antes da minha reunião das 10h e tudo o que tenho na minha frente é um enorme desperdício do meu tempo.

E lá estava ele… aquele campo em branco com um cursor pulsante, esperando que eu digitasse uma senha que teria que redigitar pelos próximos 30 dias. Várias vezes ao dia.

Então, deixando de lado toda a frustração, me lembrei de uma dica que ouvi do meu ex-chefe, Rasmus. De alguma forma, ele fazia senhas com listas de coisas que precisava fazer, e pensei em usar uma versão melhorada desse método.


Eu vou usar uma senha para mudar a minha vida.

Era óbvio que, naquela época, com meu humor e meu estilo de vida, eu não conseguia me concentrar para resolver minhas questões. É claro que havia indicativos do que eu precisava fazer — ou o que tinha de alcançar — para retomar o controle da minha vida, mas muitas vezes não prestamos atenção a essas pistas.

Minha senha tornou-se o indicador. Minha senha lembrava que eu não deveria me fazer de vítima em relação à minha recente separação e que sou forte o suficiente para tomar uma atitude.

Minha senha passou a ser: "Perdoe@e1a".

Durante a minha reunião, fiquei pensando no que eu tinha acabado de fazer. Um sorriso bobo se desenhou em meu rosto.

Pelo resto da semana, precisei digitar essa senha várias vezes ao dia. Toda vez que meu computador era bloqueado. Toda vez que o protetor de tela com a foto dela apareceria. Toda vez que eu voltava do almoço sozinho.

Na minha mente, eu repetia o mantra de que eu não havia digitado uma senha. Na minha mente, eu lembrava a mim mesmo de que deveria “Perdoá-la”.

Essa simples atitude mudou a forma como eu passei a encarar minha ex-mulher. Esse lembrete constante de que eu deveria perdoá-la me levou a aceitar a maneira como as coisas aconteceram no término do meu casamento e a abraçar uma nova forma de lidar com a depressão que me afogava.


Nos dias seguintes, meu humor melhorou drasticamente. Ao final da segunda semana, notei que esta senha se tornou menos poderosa e tinha começado a perder o efeito. Uma rápida lembrança deste “mantra” me ajudou. Eu pensava comigo mesmo que eu a perdoava sempre que digitava a senha, todas as vezes. O efeito terapêutico surgiu quase que imediatamente.

Um mês depois, meu querido servidor me pediu novamente para renovar a senha. Pensei sobre a próxima coisa que precisava fazer.


Minha senha ficou Paredefumar@paras3mpre

E adivinhe o que aconteceu. Eu não estou brincando. Parei de fumar de uma noite pra outra.

Tenho uma multidão de testemunhas que não acreditava como eu havia conseguido. Eu tinha tentado livros, cigarros eletrônicos, adesivos etc. Nada tinha funcionado, até usar esse truque.

Era doloroso ter que digitar essa senha durante um mês, mas fazer isso me ajudou a gritar mentalmente comigo mesmo enquanto eu digitava essa afirmação. Isso me incentivou a ir atrás da minha meta mensal.

Um mês depois, minha senha se tornou Econ0mizepraviajar@tailandia

Adivinhe aonde eu fui três meses depois. Tailândia.

Com a poupança.

Obrigado, senha.

Ao ver como esses lembretes me ajudaram a concretizar os meus objetivos, eu segui motivado e animado. Mas eu confesso: é difícil decidir a próxima meta. Às vezes, é difícil identificar no que precisamos mudar ou qual rumo devemos percorrer.


Certifique-se de que as suas metas são realistas e evite sonhar alto demais ao escrevê-las. É importante criar uma forma de medir seu objetivo para que você possa tirar prova do seu sucesso ao longo do caminho. Por exemplo, se você estiver em busca de um emprego melhor, não use coisas como Seja0Melhor! Ao invés disso, use algo como VaicomTud0@NoLinkedIn! e utilize as novas conexões, grupos e a quantidade de currículos enviados como uma forma de medir seus esforços para conseguir um novo emprego. É legal ser o melhor, mas ser capaz de medir onde você está e para onde você está indo é importante, ainda mais quando há um grande hiato entre esses dois pontos.

Então, por que esse truque funciona? Em sua forma mais básica, uma senha permite acessar um lugar em seu mundo digital. Permite copiar um arquivo, desbloquear um computador ou mandar um e-mail. Essa sensação de pequenas realizações, esse pensamento de que ‘o meu mantra me ajuda a fazer as coisas’ pode se tornar uma dinâmica que irá motivá-lo a manter o foco para alcançar os seus objetivos mensais. É um pequeno hábito que tem um poder transformador.

Funcionou comigo. Tenho certeza que vai funcionar com você.


Foi assim que aprendi que minha vida pode ter mudanças reais se eu seguir os passos corretamente. Continuei fazendo isso mês após mês, com excelentes resultados.

Aqui está um breve resumo de algumas das minhas senhas dos últimos 2 anos, pra você ter uma ideia de como a minha vida mudou graças a este método:

  • Perd0e@ela ← para a minha ex-esposa, quem começou com tudo isso.
  • Paredefumar@parasempr3 ← funcionou.
  • Econ0mizepraviajar@tailandia ← funcionou.
  • Coma2vezes@odia ← nunca funcionou, ainda estou gordo.
  • Durma@antesdas12 ← funcionou.
  • Convideel@parasa1rfuncionou. Eu me apaixonei novamente.
  • Sembeberpor@2meses ← funcionou. Foi ótimo!
  • Morar@junt0s ← funcionou.
  • Comprar@1gato! ← funcionou. Temos um lindo gato.
  • Ligarpramamae@aosd0mingos ← funcionou. Falo com a minha mãe toda semana.

E a do último mês:

  • Econ0mizepara@alianca Sim. A vida vai mudar de novo, em breve.

Ainda espero ansiosamente pelo início de cada mês, quando posso mudar a minha senha para uma frase que irá me motivar a manter o foco em algo que eu preciso resolver.


Esse método tem funcionado de forma consistente para mim, durante os dois últimos anos, e já o compartilhei com parentes e amigos próximos. Não acho que tenha proporcionado uma mudança drástica em meus pequenos hábitos, mas teve um grande impacto na minha vida, e por isso, pensei em compartilhá-lo com todos vocês.

Faça uma tentativa! Escreva estas afirmações com a mentalidade e a atitude corretas e você irá mudar a sua vida. Me fale como o método funcionou para você!

Lembre-se: para maior segurança, tente usar palavras mais complexas. Acrescente símbolos ou números, aumente-as e embaralhe um pouco o início ou o fim de sua senha. S3guranca_em_pr1m3iro_lugar!

Dê a dica a quem possa precisar.


Atualizado em 21 de junho de 2014: Ela disse sim.

— Me mande um Tweet ou email e divulgue o ☺ por aí.


Gostou do texto? Então clique no botão Recommend, logo abaixo.
Fazendo isso, você ajuda esta história a ser encontrada por mais pessoas.

Não tem conta no Medium? Que tal fazer login clicando aqui? Leva um segundo. Após fazer isso, você pode seguir a publicação oficial do Medium Brasil e receber todos os dias nossas atualizações. Clique e siga o Medium Brasil. ☺

Siga o Medium Brasil | TwitterFacebookRSSCanal oficial