Por que Caixa Quântica?


Fonte: Imagens Google

Baseado no famoso bordão do nosso amigo William Shakespeare, dou início ao nosso primeiro texto;
Dentro ou fora, eis questão! [sem piadinhas]

Aconselho a ler o manual de instruções antes!
O que não tem no texto: 
 _não tem dicas de como pensar fora da caixa;
_não existe um passo a passo;

Porra, mas o que tem?
_Leia e saberás.

Para quem está dentro da caixa, a caixa pode ser um mundo vasto, cheio de sonhos, fantasias, medos, inúmeros pensamentos, vide O quarto de Jack , para quem está fora pode significar quem sabe as mesmas coisas, ou poderá ver em outro contexto, pensamentos diferentes, por exemplo.

Daí lhe pergunto:
_ Você, está dentro ou fora dela ?

O mundo corporativo insiste em muitas vezes forçar o pensamento fora da caixa, mas será que é isso mesmo. Pensar fora da caixa seria algo extraordinário ? Seria algo diferentão? Não sei. Já tenho uma opinião formada sobre o assunto, mas fui procurar o mesmo questionamento no nosso amigo Google. 
Em um vídeo (veja aqui), o professor Clóvis disse que pensar fora da caixa seria abrir suas ideias para mais possibilidades de um determinado fato sendo abordado, nas palavras dele:

se a premissa for outra, a conclusão é contrária a essa que você que está propondo.

No nosso mundo corporativista inúmeros chefes adoram o pensamento fora da caixa, desde que as suas conclusões sejam as iguais as dele, caso contrário você está fora da caixa literalmente, lê se demissão.

E o pensar dentro da caixa?

Seria pensar no básico? Se formos comparar com a narrativa anterior, poderíamos considerar que o pensar dentro da caixa é básico, tipo aquele jeans que você tem em casa. Mas eu peguei esse jeans e melhorei o look. Busquei uma ideologia da física quântica, do físico austríaco Erwin Schrödinger, que baseou seu estudo em um gato dentro da caixa, este poderia estar morto ou vivo, ou vivo e morto ao mesmo tempo, compliquei né. Em palavras simples para nós jovens mortais, você tem inúmeras possibilidades para a abordagem de suas premissas.

Mas então por que eu estou escrevendo essas coisas, complicando sua cabeça sobre pensar fora e/ou dentro da caixa, o que isso tem a ver com este blog?!
Quero lhe dizer que nem sempre o pensar fora da caixa é interessante ou vice versa. As vezes colocamos em caixas, sentimentos, lembranças, presentes que seja para guardar dentro da caixa ou para se ver depois, fora da caixa. 
O objetivo da caixa quântica é isso, não vamos nos prender ao pensar dentro ou fora dela, se você quiser jogue a caixa fora. O que eu pretendo é convidar a todos a pensarem que seja dentro ou fora dela, mas seguindo suas convicções, seu instinto e foda-se os outros, a opinião é minha (sua) e você (eu)não somos obrigados a nada!

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Carlos Belo’s story.