Carinho é ter amigos

Frase de uma criança para a série “Carinho é…”

A amizade é uma das experiências de amor mais ricas desse mundo!

Quando criança, eu tinha poucos e bons amigos, tinha ciúmes das minhas amizades, e ficava triste quando achava que minha “melhor amiga” estava agora muito mais próxima de uma nova amiga ou colega de escola.

Eu sofria muito, isso já sendo uma criança maiorzinha, quando percebia que os grupinhos de amigas na escola faziam umas combinações de “hoje não vamos falar com a fulana”, “vamos dar um gelo nela”, e, claro, ficava perdida e confusa quando era a minha vez de levar o gelo ou a indiferença.

Hoje entendo o quanto nós, ainda crianças, copiávamos modelos de nossos adultos de referência, fazíamos distinções, elegíamos preferências, selecionávamos, excluíamos, e tudo o mais que adultos fazem e crianças imitam ou aprendem a repetir, de algum jeito. E também, o quanto era importante fazer parte, ter com quem contar, e em quem confiar, já na infância.

Aos poucos, fui percebendo o quanto é importante, para qualquer pessoa, de qualquer idade, ter amigos e ser amiga. E isso é cultivado tanto nas amizades entre as crianças, mas também e com um grau importante de peso, pelos adultos.

Adultos que são amigos, confiáveis, e estão conectados a uma rede saudável e genuína de amizades — não precisam ser muitas, quantidade não importa, nessa hora — também estarão nutrindo suas crianças com esse valor. Além disso, não irão fazer das crianças as suas “confidentes”, “cúmplices”, “testemunhas”, coisas que não devem ser funções de nenhuma criança!!! (FIQUEMOS ALERTAS!!!!)

Há pais e mães que dizem: sou muito amigo do meu filho, minha filha é minha melhor amiga. Acredito que a intenção seja das melhores, mas ser pai, mãe, ou responsável, e ser de confiança, alguém com quem a criança ou adolescente pode contar é uma coisa.

Outra coisa muito diferente é ser aquele “pai-mãe-amigo” que deseja saber tudo da criança ou adolescente, que não respeita a intimidade e o desenvolvimento daquele ser. Cuidado aí, pois as relações abusivas e os valores distorcidos sobre “amizade” também podem ser “aprendidos” de uma maneira muito cruel.

Então, quando uma criança de seus 7 a 8 anos diz que “CARINHO É TER AMIGOS”, frase que destacamos no título deste texto, fica um alerta para a importância desses seres que…

…sem razão nem porquê, nos dão aquele abraço num dia em que justamente estamos precisando,

…dão aquele puxão de orelha oportuno e providencial, em certos momentos,

…oferecem aquele ombrinho para descansarmos nossas dores, defendem a gente,

…ficam em silêncio e nos respeitam na nossa intimidade e privacidade,

…querem o bem da gente, mas não nos rejeitam quando tropeçamos de vez em quando,

…brincam,

…estão perto, longe, mas nunca totalmente ausentes,

…amam e perdoam.

E isso tudo são traduções da amizade.

Amigos brincam, e fazem companhia nos medos, aventuras, perigos e delícias da vida

E para você, o que é ter amigos ou ser amigo? Conte pra gente quando é que você sente que amizade é carinho!

Se gosta desses textos, temas, sementes de carinho, pode clicar no coraçãozinho ❤️‍ e assim mais pessoas serão tocadas por essa inspiração!
Nosso face também está te esperando www.facebook.com/carinhoebom, e nosso portal www.carinhoebom.com.br tem informações sobre a cartilha Carinho é bom!
Inscreva-se em nosso canal do Youtube para receber dicas, vídeos e novidades: Carinho é bom — Youtube