Sentenças para dias ruins

Melancolia — Pintura de Constance Marie Charpentier (1801)

Oi. Talvez você esteja passando por aqueles dias horríveis. Eu sei como é, eu passo por eles também. Queria aqui dizer vinte coisas que considero importantes, vinte coisas que eu tento me fazer entender quando estou para baixo. Espero que ajude.

  1. A vida do outro não é melhor ou mais interessante que a sua, apenas diferente. A grama do vizinho só vai ser mais verde se você quiser que ela seja. Nem tudo é como parece, e por isso, nada garante que aquela tal pessoa tem uma vida perfeita… até porque vidas perfeitas não existem.
  2. Viva a vida sem grandes expectativas, porque quanto mais alto o pulo, maior é a queda. Uma forma de viver sem grandes expectativas é colocar como prioridade o seu próprio presente, sem pensar muito no que pode ou não acontecer, ou como as coisas podem ou não se encaminhar. O futuro é sempre incerto, e colocar certezas em algo que não é certo é bastante arriscado.
  3. Indo na mesma vibe da sentença nº 2… quase nunca as coisas são como esperamos: às vezes é pior, às vezes é melhor. Por isso, é melhor não esperar nada. Ou então, se for para esperar algo, espere que as coisas sejam medianas, razoáveis. Porque quando você coloca seu parâmetro lá em cima, a chance de dar ruim é grande.
  4. Continuando o tema que foi tratado nas duas sentenças anteriores… nada, e nem ninguém, é perfeito. Idealizar e colocar num pedestal alguma coisa ou alguma pessoa é talvez a fórmula perfeita para se decepcionar, se machucar ou entrar numa crise. Por exemplo, alguém que você conheceu tem seus defeitos (todo mundo tem), e aquele emprego que você tanto sonha não vai resolver todos os problemas da sua vida.
  5. Nem toda crítica coincide com a realidade. Nunca deixe de ouvir as críticas que os outros tem a fazer sobre você, mas quando você receber uma, avalie primeiramente se ela é coerente. Se ela não for, descarte logo. Não vale a pena se culpar e se afundar em uma crítica negativa, por exemplo, que nem faz sentido.
  6. Não se feche para futuras possibilidades só porque você se magoou uma vez. O que aconteceu, já aconteceu. Não quer dizer que vai acontecer todas as próximas vezes, então relaxa. E vai em frente.
  7. É melhor se arrepender por algo que você fez, porque teve a coragem de iniciar, do que por algo que você não fez. Então, na dúvida, tente. Mesmo se você quebrar a cara, você viveu, você aprendeu, e isso tudo acontece.
  8. Seja sempre você. Não importa o que o mundo lá fora te diga, nunca vá contra sua própria essência. A menos que isso magoe alguma pessoa, não mude nada seu por ninguém. Seja sempre verdadeiro consigo (e com os outros também!).
  9. Nunca pense que você só pode ser feliz sozinho. Nos fizeram acreditar que precisamos de uma alma gêmea, ou da metade da nossa laranja, como se fôssemos incompletos. Só que é possível ser feliz por si mesmo. Não procure pessoas que te completem, procure pessoas que te transbordem.
  10. Sua vida também tem méritos. Todo mundo tem seus méritos. Valorize eles e orgulhe-se deles. Use-os como ferramenta para desenvolvimento do seu amor próprio. Quando você percebe que conseguiu coisas por si, percebe também que pode conseguir muito mais.
  11. Sentir não é fraqueza. Sentir não é um fardo. É uma das coisas que nos faz humanos. Demonstre sempre seus sentimentos, e não caia no joguinho ridículo do desinteresse compulsório, que muitos hoje fazem para se julgarem superiores (como se ser frio e ignorante fosse sinal de superioridade).
  12. Escrevi isso em uma poesia minha… você não precisa de ninguém para saber que é uma pessoa boa em algo ou alguém digno de qualquer coisa que conseguiu.
  13. Pode não parecer verdade, mas todo mundo conhece a si mesmo da sua maneira. Só que nem todo mundo consegue sistematizar algo assim, até porque resumir em palavras, versos, listas ou textos, algo tão complexo é bastante difícil. E outra: ninguém te conhece melhor do que você mesmo.
  14. Você é uma pessoa única, e sensacional por isso. Dentro de ti, há um universo, que é tão singular quanto cada uma das estrelas no céu. Valorize-se, evidencie suas qualidades (que com certeza, você possui) e trabalhe nos seus defeitos (que você também possui, e como eu disse, todos possuem).
  15. Mostre ao mundo seus talentos. Não tenha medo. Você com certeza possui algum talento, só talvez ainda não percebeu, ou então não está confiante deles.
  16. Ninguém é melhor do que ninguém. Nenhuma ideologia está acima de outra. Nenhuma qualidade está acima de outra. Nenhuma carreira está acima de outra. Nenhum talento está acima de outro. Nenhuma música está acima de outra. Nenhuma pintura está acima de outra. Complexos de superioridade e inferioridade não estão com nada.
  17. É impossível agradar a todo mundo. É impossível ser amigos de todos. É impossível segurar o mundo com a mão. Aceite que nem tudo está ao seu alcance, e não há nenhum problema nisso. Apenas faça o seu melhor.
  18. Viva os dias como se fossem os últimos. Essa é bem clichê, mas também é vital. Abrace quem você quiser abraçar, beije quem você quiser beijar, elogie as pessoas quando quiser elogiar, tire um dia para ver o mar, para ver o céu, para assistir a um filme, para encontrar aquela pessoa que há muito tempo você não encontra. Pise na grama descalço, cante bem alto, brinque com animais, dance na rua. Diga mais “eu te amo” e menos “deixa para depois”. Viva e grite: “viva!”.
  19. It’s okay not be okay. Permita-se ficar triste. Permita-se ter medo. Permita-se chorar caso você sinta que precise chorar. Permita-se tudo isso e mais um pouco.
  20. E nunca se esqueça: um momento ruim é acima de tudo um momento. E momentos passam, tudo passa. Assim como os momentos bons. Além disso, os momentos ruins existem para que valorizemos os bons. Se os ruins não existissem, não teria como dizer que os bons seriam, de fato, bons, porque não existiria parâmetro nenhum. Precisamos sempre pensar que a sombra só existe porque a luz também existe. A noite só existe porque o dia existe.

Eu posso te conhecer. Eu posso não te conhecer. Mas espero que eu tenha melhorado um pouco o seu dia. Fico bastante feliz só de pensar que talvez eu tenha conseguido fazer isso.

Eu posso te conhecer. Eu posso não te conhecer. Mas já te adoro e sinto que temos uma conexão maior agora. Sinta-se abraçado, sinta-se abraçada. Eu gosto de abraços.

Like what you read? Give Victor Hugo Arona a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.