Estoicismo Diário #290 — Espalhe a filosofia

"Algumas pessoas de mente excepcional rapidamente entendem as virtudes ou as produzem em si. Mas outros, fracos e preguiçosos, impedidos por maus hábitos, precisam ter suas almas arranhadas constantemente polidas… Os tipos fracos serão ajudados e afastados das suas más opiniões se os colocarmos nos cuidados dos princípios filosóficos."
 — Sêneca

Pela própria definição, Estoicismo não é uma religião. É uma corrente filosófica helenística, o que significa que você não é obrigada(o) a salvar alguém ou salvar a própria alma. Não existe um inferno esperando caso não dê atenção às palavras de Epictetus, Marco Aurélio ou Sêneca.

Mas dado que estudou e aprendeu a caminhar por um percurso diferente, você pode ajudar os outros.

Você pode espalhar a sabedoria que adquiriu ao conversar com uma amiga, um parente, um estranho em uma recepção, lembrando-se sempre que o seu comportamento é um exemplo melhor do que suas palavras.

Como disse Sêneca a Lucílio quando este questionou porque o amigo usava tanto as palavras de Epicuro (adepto de uma filosofia oposta), sabedoria não é propriedade de uma corrente filosófica ou de uma religião, ela é de todos. Se é verdade, use.

Se você vir alguém que precisa de ajuda ou que lhe pediu ajuda, forneça. Você deve isso a essa pessoa.

Aplicação pessoal

Hoje, a tarefa é simples: espalhe a filosofia.

Ofereça um pouco da sua experiência, sabedoria, conhecimento. Uma frase pode mudar a vida de alguém — ou pelo menos aliviar algum sofrimento.

E se não tiver algo a dizer, ofereça companhia, empatia, gentileza e atenção. Tudo isso vale mais do que algumas palavras.



Conecte

Se você quiser se concentrar nas coisas certas, diminuir o estresse e controlar a ansiedade, clique aqui e se inscreva para receber um email por semana com dicas, exercícios e textos.