Eu não escolhi sofrer de ansiedade

Hoje, eu recebi um email que falava sobre como controlar a ansiedade.

O terceiro parágrafo do email começava com "mas ao longo dos anos me dei conta que [sofrer de ansiedade] é uma escolha". Eu parei de ler ali mesmo porque uma memória veio à minha mente.


Era setembro de 2009, eu estava sentada em uma das cadeiras azuis da sala H7. Havia uma prova de Cálculo 1 na minha frente. Era uma prova preliminar, se eu tirasse nota boa, a próxima prova valeria apenas 6 e não 10. Eu estava com minha calculadora no colo, resolvendo a questão de número 2. Era uma questão simples sobre limites.

Como eu disse, simples

Em um momento, eu levantei os olhos da prova e não sabia mais o que eu estava fazendo ou o que estava acontecendo. Meu coração disparou, eu olhei de volta para a prova e não sabia mais como finalizar a questão. Na hora, tudo desapareceu da minha mente. Eu entrei em desespero.

Eu não conseguia focar, eu não conseguia respirar devagar, a minha vontade era de sair correndo da sala. Eu consegui me levantar (derrubando minha calculadora no chão porque ainda estava no meu colo), entregar a prova ao professor e dizer com a voz falhando: "eu não tenho condições de fazer essa prova hoje".

Ele me olhou preocupado, pediu para que eu sentasse e tentasse respirar o mais devagar possível. Ele disse que não tinha problema, eu poderia entregar a lista de exercícios que eu fiz e estava tudo bem. Eu não conseguia arrancar as folhas do caderno sem rasgá-las de tanto que minhas mãos tremiam. Obviamente, atraí um monte de olhares dos outros alunos que estavam fazendo prova.

Ao sair da sala, eu me sentia completamente perdida. Um amigo teve que ligar para o meu tio para ele me levar de volta para casa porque eu não tinha como continuar assistindo às aulas do dia.


Sabe, eu não escolhi passar por essa situação. Em nenhum momento eu pensei: "oh, agora parece um excelente momento para entrar em pânico. Mr. Sulu set course to Panic planet! Warp speed!".

Ansiedade não é uma escolha. Fazer algo a respeito da ansiedade é uma escolha. Não confundam isso.