Tentativa de desenho do que seria uma rede e suas conexões

Conexões!

Sobre o que é este blog e o que pretendemos com ele.

Antes de tudo, vale dar uma espiada sobre o significado de uma conexão, segundo o Dicionário Houaiss:

substantivo feminino
1 ato ou efeito de conectar, de ligar; ligação, união, vínculo ‹fazer c. entre o grotesco e a arte
2 o que liga, une, conecta; conector, junta
3 relação lógica ou causal; nexo, coerência ‹perceber a c. entre os dois princípios›”

Tudo está ligado. Tudo está interconectado. Raciocínio paranoico? Pode ser. Mas que estamos unidos estamos mesmo. E de maneiras as mais improváveis por vezes. Desemaranhar os fios, desvelar as tubulações de conceitos e afetos e ligar pontos perdidos imersos no fluxo caótico da existência. Essa é a tarefa de “Conexões”, o blog. Um espaço virtual para textos que se situam na interface entre jornalismo/ciências sociais/artes/literatura. Se você leu esta publicação e coçou a cabeça pensando que diabos seria tudo isso, sinto muito… Você já está conectada(o)!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.