Raquel

vamos fazer o quê? entrar num jogo parvo de relações e de jogos e de coisas que andam às voltas nas nossas cabeças sem saber bem o que é, onde vão, onde nos levam…

vamos fazer o quê? continuar nesta onda de medos que nos assaltam sem sabermos bem porquê, sem sabermos contra quem ou que lutamos,

vamos fazer o quê? para além de exasperarmos palavras, sentimentos, em coisas de nada que nos fazem nada senão mal?

e agora R? e agora? perdidos no que não fomos, no que não podemos ser, não nos deixam ser, perdidos num escuro de medo e respeito e carinho por outra pessoa que não nos quer juntos.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.