Senna

Feb 22, 2018 · 3 min read

Eu ainda me lembro! Aquele domingo, 01 de maio de 1994. Dia do meu aniversário! Mas não quis saber… Acordei num pulo, vencendo a preguiça, e fui correndo ligar a televisão! Eu estava atrasado, e não queria perder o que estava por vir. Eu estava esperando isso havia muito tempo! Eu ainda lembro de estar sentado quase colado na frente da minha antiga televisão, cuja imagem não era lá essas coisas, mas neste dia estava com a imagem incrivelmente boa. Eu estava compenetrado. Parecia que o mundo estava em silêncio ao meu redor! Nem havia reparado que minha mãe havia feito uma pergunta: “Daniel, hoje é seu aniversário! Vai ficar aí na frente da televisão?”, e eu respondi: “Mãe, hoje não perco por nada! Quero ganhar o meu presente!”

Qual era o meu presente? Mais uma vitória do Brasil. Aliás, do brasil não! Dele! O cara que me encantava com o seu jeito de pilotar! Não só com as vitórias, mas a sua inteligência, dedicação e genialidade ao voltante! Era uma inspiração pra mim! E eu gostava de assistir parte dessa genialidade todo domingo! E esse era especial! Era meu aniversário, e o Senna ia largar na frente! Finalmente parecia que o carro tinha se ajeitado,se comparado às desastrosas corridas anteriores. Pois é. Eu estava enganado!

Eu sinceramente acreditava que nada mais poderia acontecer aquele fim de semana. O Barrichello praticamente voando da pista, e a desastrosa morte do Ratzenberger. Nada mais podia acontecer!! Depois de uma morte trágica na Fórmula 1? Bom, eu estava enganado. Enganado e esperançoso de uma vitória quase certa e um presente de aniversário inesquecível!

Veio a corrida, e veio aquela batida horrível, que mesmo 20 anos depois eu não consigo olhar! E o choque… Acho que fiquei uns 10 minutos sem reação alguma a não ser perplexidade. Pura! Eu não conseguia esboçar qualquer tipo de reação! Foi inesperado. Acho que na cabeça de qualquer pessoa aquilo era impossível de acontecer… Mas aconteceu! Chorei…

20 anos se passaram, e de todos os aniversário que fiz, aquele 1º de maio foi o único que não esqueci. Eu lembro como se fosse ontem! Não dá pra esquecer! Infelizmente, neste 01 de maio vou novamente completar um aniversário numa data tão marcante. E mais uma vez lembrei do cara que fazia a minha alegria aos domingos de manhã/tarde, símbolo de Angra dos Reis, e que, pelo menos pra mim, é o maior atleta que já existiu! O que ele fez ninguém vai fazer! Fui privilegiado em poder assistir a mágica que ele fazia com o carro, as corridas na chuva, como ele levava tanto ele como a máquina ao máximo! Tenho orgulho de dizer que eu já vi o Ayrton Senna correr!!

daniellopes22

Um lugar em que posso falar da vida sob meu ponto de vista

    Daniel Lopes

    Written by

    daniellopes22

    Um lugar em que posso falar da vida sob meu ponto de vista

    Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
    Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
    Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade