Sua equipe concorda em discordar?

Segurança psicológica em times de alta performance

Danilo Ferreira
Oct 26 · 4 min read
Image for post
Image for post

Imagine que, para solucionar um problema na sua equipe, você tenha uma ideia. Quando a expõe, recebe a seguinte resposta:

“Eu discordo, isso não vai dar certo. Sua ideia é uma porcaria.”

Agora, imagine que, mesmo sendo uma ideia que não vai dar certo, sua opinião é levada em consideração e debatida, inclusive pelas pessoas que (respeitosamente) discordam dela. Ao falar o que pensa, você não é punido, nem ignorado, e nem corre o risco de que seus colegas riam de você.

Ainda que seja descartada no final do dia, o simples fato da sua ideia ter sido considerada ajuda você a sentir que está em um ambiente seguro para se expressar e alimentar debates importantes.

É isso o que chamamos de ambiente psicologicamente seguro.

Mas o que é, exatamente, segurança psicológica?

Talvez você nunca tenha ouvido falar em segurança psicológica, mas não tenho dúvida de que, sem ela, trabalhar se torna um problema — desconfortável no curto prazo e insustentável no longo.

Assim como controle emocional, ética e outros termos populares, a segurança psicológica existe não apenas para garantir que as pessoas estejam em um ambiente acolhedor e seguro.

Na verdade, ela traz como consequência pessoas cada vez mais estimuladas a engajar em debates saudáveis e importantes para a empresa.

A abertura e acolhimento de ideias são essenciais para a segurança psicológica de uma equipe. Isso quer dizer que, em um ambiente transparente, em que novas ideias são ouvidas e não imediatamente julgadas, as pessoas se sentem mais à vontade para colaborar.

Isso não significa que toda ideia será aceita sem que críticas sejam feitas. Não significa passar a mão na cabeça dos seus colegas de trabalho e fechar os olhos para seus delizes. Mas é aí que está a vantagem de um ambiente psicologicamente seguro: mesmo que alguém discorde de você e erre, as coisas ficam bem.

Qual é o papel da segurança psicológica no dia a dia das equipes de alta performance?

Antes que você continue a leitura, vamos concordar que o melhor potencial humano é a geração de ideias e a capacidade de transformá-las em coisas. Quando combinado ao trabalho em equipe, esse potencial tem o poder de realmente transformar projetos e empresas, levando-as a um novo patamar.

Vamos concordar, também, que uma equipe deve estar sempre debatendo para evoluir.

Para mim, segurança psicológica é um dos tópicos mais importantes quando falamos em debate e trabalho em equipe, especialmente em equipes de alta performance. A habilidade de discordar, quando colocada numa ótica positiva, é um dos grandes ganhos de que qualquer time pode tirar proveito.

Quando você discorda, não é para ridicularizar ou invalidar a opinião de alguém. Na verdade, você está adicionando um novo potencial a um debate, projeto ou ideia, e colocando novos caminhos e possibilidades na mesa. E é aí que grandes coisas podem acontecer.

Penso que em qualquer debate temos diante de nós pluralismos que merecem ser ouvidos ao invés de colocados numa caixinha e vistos como inválidos só porque são diferentes da nossa opinião.

Tenho exercitado isso refletindo que, cada vez que alguém discorda de mim, devo ficar mais feliz do que triste, porque estou diante de uma oportunidade de fazer diferente — e, quem sabe, melhor.

Nesses momentos, é importante entender que pontos de vista diferentes vêm para ampliar nossa visão. Por outro lado, também é justo compreender que ninguém é obrigado a acatar a um ponto de vista. Quando essas duas noções existem e estão claras, você minimamente garante que existe segurança psicológica na sua equipe.

Como levar segurança psicológica à sua equipe

Não sou nenhum especialista no tema, mas posso compartilhar coisas simples e efetivas que ajudam qualquer time a se sentir mais seguro para compartilhar ideias.

Comece, por exemplo, eliminando algumas ações tóxicas, como:

  • Apontar o dedo para erros
  • Acusar pessoas que não performam tanto quanto gostaríamos
  • Acredite que, para crescer, você deve puxar o tapete do seu colega
  • Ao invés de perguntar “quem”, pergunte “por quê”

No livro “Negocie como se sua vida dependesse disso”, Chris Voss comenta que as emoções que levam as pessoas a seguir a razão. Sem emoções, crenças, esperanças, vulnerabilidades, alegria, paz — entre muitos outros -, fica difícil seguir um raciocínio lógico.

Trago essa afirmação aqui porque acredito que apenas entendendo que somos humanos e movidos a evitar erros é que conseguimos evitar posturas tóxicas que impedem a segurança psicológica de se tornar uma realidade.

Depois que eliminamos essas posturas, há outras coisas que podemos fazer para garantir um ambiente psicologicamente seguro:

  • Foco na liderança: sem líderes dispostos a resolver conflitos de maneira produtiva, a segurança psicológica cai por terra;
  • Foco na participação: envolver as pessoas e fazer com que se sintam importantes é a base da segurança psicológica. Chame pessoas para reuniões, peça a opinião delas, elogie suas conquistas;
  • Foco no reconhecimento: quando alguém exceder as expectativas e/ou fazer um ótimo trabalho, não guarde os elogios para você. Compartilhe!

Ninguém está mais disposto a colocar os sentimentos em uma caixa e só abrí-la depois do expediente. Para performar bem, qualquer time precisa de segurança psicológica. Mais do que nunca, se sentir confortável e acolhido é importante.

E você, quais práticas usa para tornar seu ambiente de trabalho mais seguro psicologicamente?

*** Mais sobre o assunto:

[1] High-Performing Teams Need Psychological Safety. Here’s How to Create It — Harvard Business Review

[2] Understand team effectiveness — re:Work

[3] The five keys to a successful Google team — re:Work

Danilo Ferreira

Blog sobre Danilo Ferreira

Medium is an open platform where 170 million readers come to find insightful and dynamic thinking. Here, expert and undiscovered voices alike dive into the heart of any topic and bring new ideas to the surface. Learn more

Follow the writers, publications, and topics that matter to you, and you’ll see them on your homepage and in your inbox. Explore

If you have a story to tell, knowledge to share, or a perspective to offer — welcome home. It’s easy and free to post your thinking on any topic. Write on Medium

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store