Beneficiar 1 bilhão de pessoas em 10 anos

A Singularity University é uma comunidade de líderes que visam usar tecnologia para resolver os maiores problemas da humanidade. A Operação Serenata de Amor se encaixa perfeitamente em uma das categorias propostas pelo grupo: governança. Já vemos guerras sendo transmitidas ao vivo, revoluções iniciando pelo Twitter, mas ainda não somos capazes de saber como nossos governos realmente têm agido. Discutimos ao apontar quem é o partido mais corrupto, baseado em boatos. Fatos, só depois de passarem por filtros questionáveis da imprensa.

A Serenata tem aproximado a população do governo. São várias as pessoas que falam nunca ter ligado para Política e, hoje, já sabem o que um deputado faz. O nosso objetivo não é tentar definir responsáveis pela situação caótica que nos encontramos, mas corrigi-la.

Dados abertos nos permitem fazer controle social da administração pública. A Singularity nos desafiou, exigindo o imediatismo. Não podemos esperar gerações para ver soluções. Sua proposta é que consigamos afetar positivamente a vida de 1 bilhão de pessoas em 10 anos ou menos.

Fizemos nossa especialidade: usamos dados da Transparency International, Open Knowledge International e estimativas populacionais oficiais de 195 países para encontrar o bilhão de pessoas que mais poderia se beneficiar de uma Serenata de Amor própria. Consideramos 3 fatores:

Fonte: https://goo.gl/VDsJmL

Nos focarmos apenas da Índia nos permitiria atingir essa quantidade de pessoas, mas ela apresenta várias dificuldades de acesso a dados não presentes nos outros países. Depois de sermos efetivos na Grécia, no Reino Unido e no Brasil, estaríamos preparados para aceitar um desafio maior.


Quer nos ajudar?