Em parte não divulgada do áudio, jovem fala que foi vítima de estupro por Feliciano

Foto: Nilson Bastian/Câmara dos Deputados

O Democratize teve acesso ao áudio da conversa na íntegra entre o assessor do deputado Marco Feliciano (PSC) e a jovem que o havia acusado de assédio e agressão. No trecho que não foi divulgado pelo UOL, a jovem admite ter tido relação sexual com o deputado, mas que “não foi consensual”.


Por Francisco Toledo

Mais um capítulo da novela do ‘Caso Feliciano’.

Desta vez, a jovem que já havia afirmado que foi vítima de assédio e agressão por parte do deputado federal do PSC, admite que teve relação sexual com Feliciano — porém que não foi consensual, ou seja, ela não queria ter praticado, sendo forçada pelo deputado.

O áudio não foi divulgado na íntegra pelo UOL, que publicou apenas 28 minutos da conversa entre ela e o Chefe de Gabinete do deputado, Talma Bauer. São mais de 55 minutos de conversa.

Além da declaração, a jovem ainda disse durante a conversa não divulgada:

“Eu confio em você, mas não confio no Feliciano”
“Eu não pedi dinheiro, eu não pedi emprego, não pedi nada disso”

Já Talma Bauer admite a atitude de Feliciano: “Isso é o mínimo que a gente pode fazer, consertar esse erro”.

Veja o trecho:



Francisco Toledo é co-fundador e fotojornalista pela Agência Democratize em São Paulo