Escândalos de Governança Corporativa

Fernando Bagnoli

Por que ocorrem falhas no Sistema de Governança Corporativa das empresas com tanta frequência, muitas vezes transformando-se em escândalos, com as consequentes penalidades civis e mesmo criminais aos administradores, resultando em algumas situações na perda de bens pessoais ou mesmo de suas liberdades?

Vários são os possíveis fatores. Gostaria de apresentar uma breve listagem, lista esta não exaustiva sobre o tema. Alguns fatores ligados à falta de compliance, à falta de ética e outros a comportamentos equivocados e nocivos:

- Fatores Externos à empresa. Regulamentação falha ou deficiente. Pouca efetividade dos órgãos e agências reguladoras. Passividade dos acionistas. Pressão por resultados de curto prazo. Auditoria externa falha e muitas vezes conivente. Agências de Rating pouco comprometidas com o público investidor.

- Fatores Internos. Soberba e arrogância dos administradores. Ganância excessiva. Falta de comportamento ético ou de valores fundamentais no topo da organização. Sistema de Governança bem montado, mas falho na sua implementação (famoso tick in the box). Excesso de confiança e tomada de riscos exagerados (ex. alavancagem financeira excessiva). Falhas nos controles internos. Contabilidade criativa e pouco transparente. Decisões estratégicas equivocadas com acompanhamento deficiente e falta de correção tempestiva. Sistemas de Remuneração que estimulam a obtenção de resultados de curto prazo e que prejudiquem a sustentabilidade da empresa no médio e longo prazo. Briga entre grupos de controle e, no caso de empresas familiares, desavenças entre membros da mesma ou de diferentes gerações. Sucessão mal planejada.

No próximo artigo explorarei estes fatores, que ocorreram em casos reais e tiveram ampla divulgação e repercussão pública com perdas expressivas para todos os stakeholders.


Fernando Bagnoli é chefe do departamento de Direção Geral do ISE Business School.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.