Feira do Livro de Porto Alegre encolheu

Editorial J
Nov 7, 2016 · 2 min read

Victoria Lermen (3º sem.) e Welinton Almeida (3º sem.)

A 62ª edição da Feira do Livro perde espaço ao longo dos anos mas não perde qualidade

A 62ª edição da Feira do Livro de Porto Alegre, que teve início no dia 28 de outubro e se encerra no dia 15 de novembro, apresenta uma estrutura menor se comparada aos anos anteriores. Isto se deve principalmente à diminuição de recursos financeiros disponíveis. A feira, que é realizada desde sua primeira edição na Praça da Alfândega, Centro Histórico da capital gaúcha, é dividida em áreas. Este ano o evento foi formado por 93 expositores na Área Geral, 12 na Área Infantil e seis na Área Internacional, totalizando 111 expositores. Em 2015, foram 15 bancas na Área Infantil, 90 na Área Geral e 8 estandes na Área Internacional, somando 113 expositores. Já em 2014, havia no total 127 bancas.

O Editorial J foi até a feira para conversar com expositores e visitantes sobre suas impressões do tamanho do evento.

Cândido Valentini, que participa há 5 anos da feira, diz que percebeu a redução do número de bancas, mas não sente diferença em relação ao fluxo de pessoas.

Vera Lúcia Lopes Machado é Vice-Presidente da Associação dos Servidores da Secretaria de Educação e Cultura (ASSEC). Ela contextualiza a feira no ambiente de crise no estado e no Brasil: “somos parceiros há mais de 15 com a Feira do Livro, mas é evidente que assim como tudo no país a feira diminui devido à crise.”

Já Marcos Caprio Fonseca Soares, que acompanha a feira desde 2008, afirma que houve uma certa retração no ponto de vista dos livros e da Área Internacional, mas não em termos de perda da qualidade, apenas do tamanho. “Para mim quanto mais livros melhor”, afirma.

Editorial J Famecos

O Editorial J é o laboratório de Jornalismo Convergente da Famecos/PUCRS que produz conteúdo multimídia para diferentes plataformas (impressas, eletrônicas e digitais).

Editorial J

Written by

Laboratório convergente do curso de Jornalismo da Famecos/PUCRS

Editorial J Famecos

O Editorial J é o laboratório de Jornalismo Convergente da Famecos/PUCRS que produz conteúdo multimídia para diferentes plataformas (impressas, eletrônicas e digitais).