Capítulo I — Notícias falsas escondem interesses

Rariane Costa
Jul 17, 2018 · 2 min read

Mentiras são construídas com propósito de causar danos

Confira o capítulo II — Notícia falsa tem força porque gera lucro.

O termo “fake news”, segundo tradução literal, se refere a notícias sem veracidade. São mentiras ou inverdades publicadas on-line, revestidas de artifícios que as fazem convincentes o suficiente para se passarem por verdades. Habitualmente, esse fenômeno tem como objetivo principal causar danos à imagem e reputação de pessoas ou organizações e ainda influenciar a população para determinadas ideias. Além disto, também há um fator econômico. Empresas usam esse recurso para aumentar os números de audiência, visando maior lucro com seus sites.

Como um fenômeno atemporal, as fake news já eram registradas no século seis antes de Cristo, de acordo com estudos produzidos em Harvard, pelo historiador e professor emérito Robert Darnton. Segundo estudo, o historiador bizantino Procópio escreveu o livro “Anedota” que possuía veracidade duvidosa e buscava ferir a imagem do então imperador Justiniano.

No século XXI, as notícias falsas entraram novamente em pauta nas eleições presidenciais dos EUA de 2016. Neste evento, diversas polêmicas foram levantadas a partir de informações duvidosas relacionadas aos então candidatos Hillary Clinton e Donald Trump. Desde então, a influência das fake news vem sendo abordada em todo o mundo de maneira mais assídua, e em diferentes âmbitos.

A discussão abrange a influência da mídia tradicional na produção e combate das fake news até a utilização dessas notícias por partidos políticos na manipulação dos eleitores. O Editorial J entrou no universo da desinformação on-line para conhecer detalhes e as consequências do fenômeno.

Confira os capítulos do Especial J sobre fake news:

Capítulo II — Notícia falsa tem força porque gera lucro.

Capítulo III — Imprensa: vítima ou culpada?

Capítulo IV — Processos eleitorais são terreno fértil para manipulação.

Editorial J Famecos

O Editorial J é o laboratório de Jornalismo Convergente da Famecos/PUCRS que produz conteúdo multimídia para diferentes plataformas (impressas, eletrônicas e digitais).

Rariane Costa

Written by

Editorial J Famecos

O Editorial J é o laboratório de Jornalismo Convergente da Famecos/PUCRS que produz conteúdo multimídia para diferentes plataformas (impressas, eletrônicas e digitais).

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade