Anyone can publish on Medium per our Policies, but we don’t fact-check every story. For more info about the coronavirus, see cdc.gov.

Entendendo mais profundamente sobre a COVID-19: Conceitos para preparar sua escola para lidar com suspensão de aulas e fechamento

Gabriel Melo
Mar 12 · 7 min read

Artigo atualizado em 12 de Março de 2020, às 11h54.

Em continuidade ao artigo publicado no dia 09 de Março, este é o segundo artigo da série especial de preparação e combate à expansão da pandemia global do Sars-Cov-02 (o “novo coronavirus”), vírus causador da doença COVID-19.

Qual é o status atual em relação a o que as escolas precisam fazer em resposta ao COVID-19?

A atual recomendação oficial do Ministério da Educação para as escolas brasileiras é de que se preparem, imediatamente, para terem planos de aulas remotas em caso de necessidade de fechamento e suspensão das aulas.

Em vídeo divulgado pelo Ministro da Educação, Abraham Weintraub, em 11 de Março de 2020, a recomendação de que escolas de todo o país iniciem a preparação de planos de contingência para lidar com a necessidade de responder ao coronavirus.

O Governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, assinou em 11 de Março de 2020 um decreto que entrou em vigor no dia 12 ordenando a suspensão imediata de ocasiões e eventos de aglomeração, dentre os quais se enquadra a realização de aulas em escolas públicas e privadas de todo o DF. A suspensão vale, inicialmente, por 5 dias, mas pode ser adiada.

Por quê está havendo o movimento de suspensão de aulas e fechamento de escolas?

Como em outros países que tiveram o início das infecções por coronavírus antes do Brasil, as políticas de suspensão de aulas, restrição de contato social e dissipação de aglomerações decorre da necessidade de retardar a velocidade de contágio para que os casos surjam de forma mais lenta e espaçada no tempo, sem sobrecarregar os sistemas de saúde.

O gráfico abaixo, retirado de matéria do G1, representa de forma visual a diferença entre um pico agudo no número de casos (em vermelho), e uma distribuição mais branda do número de casos ao longo do tempo.

Ainda há muita variação na confiabilidade das informações acerca do risco de letalidade do COVID-19. Entretanto, é certo que as medidas preventivas são eficazes na direção de trazer maior capacidade de que os hospitais se preparem para o atendimento à população afetada, sem fazer com que os mesmos fiquem cheios e sobrecarregados.

Image for post
Image for post

O que fazer para que as consequências de uma suspensão por tempo indeterminado nas aulas não atrapalhe o ano letivo de forma irreparável?

A recomendação internacional fornecida pela UNESCO em 4 de Março (em inglês) é a implementação de programas de ensino à distância (onde o programa de aprendizagem é fornecido ao aluno mesmo que este não possa estar presente em sala de aula). Este conjunto de recomendações é corroborado pelo Ministério da Educação.

A implementação de aulas à distância é fundamental para que uma provável suspensão nas aulas (seja de âmbito individual da escola, municipal, estadual ou até nacional) não impacte de forma drástica já apertado calendário letivo anual das escolas.

“Não tenho experiência com rotinas pedagógicas digitais. Por onde começar?”

As recomendações que reunimos abaixo são fruto da experiência da Eduqo em implementação de rotinas pedagógicas digitais e estão alinhadas com as recomendações internacionais da UNESCO e com as práticas sendo aplicadas em países com maior número de casos confirmados, como os EUA.

É fundamental que dividamos nossas ações em dois macro-momentos: ações de preparação para a mudança de rotina e ações de implementação e checagem para garantirmos que a nova rotina seja eficiente e seja ajustada frequentemente, de forma iterativa.

Image for post
Image for post

Preparação

  1. Defina, com clareza, quais ferramentas digitais serão utilizadas para quais partes das rotinas pedagógicas: É fundamental que todos os envolvidos no processo de aprendizagem (gestores escolares, corpo docente, alunos e famílias) tenham clareza sobre o ambiente para onde suas rotinas serão migradas em caso de uma suspensão de aulas. A falta de clareza nesta definição faz com que surja insegurança e falta de confiança entre estes personagens do processo de educação. Realize uma reunião extraordinária envolvendo as lideranças da escola e liste, para cada rotina (avaliação, tarefa de casa, transmissão do conteúdo, etc.), qual será a ferramenta de execução desta rotina neste momento.
  2. Defina, de forma específica, as rotinas: em qual frequência quais atividades ocorrerão de forma digital? É crítico que haja o estabelecimento de um calendário: todos devem saber em qual dia e horário devem realizar quais atividades. De forma similar ao calendário de aulas, salas e professores tradicionalmente existente em todas as escolas, é necessário construir um calendário para as rotinas digitais: Quando (data e hora) serão publicadas as aulas de quais disciplinas, Quais são os prazos para estudo e para realização das atividades, etc.
  3. Comunique, com clareza, na linguagem de famílias, alunos e professores: O que as famílias devem esperar, como os alunos vão estudar e como os professores devem preparar suas aulas? Em momentos como este, é natural que haja uma enorme profusão de dúvidas. Pensando nisto, elabore toda e qualquer comunicação da escola na linguagem da pessoa a quem se destina. Enderece, proativamente, cada dúvida que famílias, alunos e professores podem ter, e mantenha um canal de comunicação aberto para que novas dúvidas possam ser sanadas.
  4. Pratique a aplicação da rotina digital antes da suspensão das aulas. Mudanças súbitas e sem prática são sempre mais difíceis. Tente inserir, antes da suspensão das aulas da sua escola, momentos para, em sala de aula ou no contraturno (com os alunos em casa), simular as rotinas digitais para que problemas e dúvidas surjam o mais cedo possível, de maneira que seu corpo gestor tenha o máximo de tempo para contornar estes problemas.
Image for post
Image for post

Implementação e Checagem

  1. Implemente agendas diárias a serem seguidas nas rotinas digitais: Afixe nos canais de comunicação físicos (enquanto houver alguma atividade presencial na escola: murais, paredes) e digitais (site, agenda digital, etc.) a agenda que deve ser seguida por professores e alunos para cada rotina digital.
  2. Verifique diariamente o cumprimento da agenda de publicação pelos professores: Defina responsáveis por verificar o cumprimento das agendas diárias. Estes profissionais devem utilizar as ferramentas de acompanhamento de dados das plataformas escolhidas para verificar se professores e alunos estão cumprindo a agenda combinada.
  3. Verifique diariamente o engajamento dos alunos e promova oportunidades de engajamento independente. É natural que nem todos os professores ou alunos conseguirão manter o mesmo engajamento das aulas presenciais num ambiente digital, especialmente em uma transição executada tão rapidamente. Por isso, acompanhar o engajamento diariamente é fundamental para que a escola possa agir na direção de ajustar situações que estejam fugindo do plano de ação posto em prática.
  4. Compreenda o impacto emocional da mudança de rotina e enderece ações de suporte através da comunicação proativa com alunos e famílias. Uma mudança de rotina em decorrência de um evento global de saúde é algo que pode trazer um grande impacto emocional para famílias e crianças envolvidas. É preciso considerar este impacto na construção das rotinas e em todas as comunicações feitas, de forma a acolher todos os envolvidos em um ambiente de compreensão e ajuda mútua.
  5. Escolha as ferramenta e permaneça com elas — itere melhorias em suas rotinas de forma contínua em vez de recomeçar do zero a cada alguns dias. Eventualmente, alguns planos de ação podem ter resultados ruins nos primeiros dias. É importante que você se baseie na escolha de ferramentas mais provadas para que não sinta a necessidade de substituir as ferramentas no meio de um plano de contenção.

Como a Eduqo pode ajudar?

Estamos apoiando nossas escolas parceiras na adequação de suas rotinas escolares para o aumento da carga horária digital, seja parcial ou total. Nosso time de especialistas pedagógicos está atento ao desenvolvimento da situação.

Se você precisar de ajuda para discussões práticas de como aplicar as dicas acima no contexto da sua escola, você pode contatar o gestor de relacionamento da Eduqo responsável pela sua escola e agendar um horário.

Você pode, ainda, consultar a Central de Ajuda da Eduqo para sanar dúvidas rápidas, sobre assuntos como Construção de Planos de Aula Digitais, Transmissão de Materiais, Acompanhamento de Resultados, Realização de Avaliações, Gestão de Usuários, etc.

Manteremos este artigo atualizado e produziremos outros conteúdos de suporte à mobilização contra o coronavírus nos próximos dias.

Referências e links úteis

Folha — Weintraub sugere que escolas e faculdades criem planos de aulas remotas por causa do coronavírus: https://www1.folha.uol.com.br/educacao/2020/03/weintraub-sugere-que-escolas-e-faculdades-criem-planos-de-aulas-remotas-por-causa-do-coronavirus.shtml

G1 — Gráfico explica a Pandemia de COVID-19: https://g1.globo.com/mundo/blog/helio-gurovitz/post/2020/03/12/um-grafico-explica-a-pandemia.ghtml

G1 — Governador do DF, Ibaneis suspende aulas em escolas privadas e públicas em todo o DF, a partir de 12 de Março de 2020: https://g1.globo.com/df/distrito-federal/noticia/2020/03/11/ibaneis-afirma-que-vai-suspender-aulas-e-eventos-por-cinco-dias-por-conta-do-coronavirus.ghtml

EdSurge (em inglês) —Navegando por tempos incertos: como escolas podem lidar com o Coronavírus: https://www.edsurge.com/research/guides/navigating-uncertain-times-how-schools-can-cope-with-coronavirus

Eduqo

As melhores soluções para escolas que querem personalizar a…

Gabriel Melo

Written by

Co-fundador da Eduqo. Diretor de Produto e Marketing.

Eduqo

Eduqo

As melhores soluções para escolas que querem personalizar a aprendizagem, engajar professores, captar e fidelizar seus alunos.

Gabriel Melo

Written by

Co-fundador da Eduqo. Diretor de Produto e Marketing.

Eduqo

Eduqo

As melhores soluções para escolas que querem personalizar a aprendizagem, engajar professores, captar e fidelizar seus alunos.

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store