Eleições e empoderamento LGBT: Professor Robson Salvador (SP)

O entrevistado agora é o Professor Robson Salvador, candidato a deputado federal pelo PSOL em São Paulo. O número dele nas urnas é 5008. Conheça o candidato:

Por que você quer ser deputado federal?

Sou militante de sociedade amigos de bairro desde muito jovem e sócio fundador de uma ONG de teatro em Artur Alvim. Resolvi sair do espaço apenas reativo e resolvi ser propositivo, expor o sentido real de representatividade social.

Como avalia a importância de candidaturas LGBT?

A representatividade é fundamental para que sejam pautados os diretos da diversidade e públicos de minoria, mas também uma oposição às bancadas fundamentalistas que tem se fortalecido nos últimos anos.

Quais projetos devem ser priorizados em um eventual mandato?

Educação, LGBTI+, manutenção e ampliação de direitos sociais… Outras podem ser vistas no meu Facebook e no meu site.

Quais os desafios para LGBTs em São Paulo?

Embora seja uma cidade que “tolera” nosso público, ainda precisamos superar barreiras e preconceitos relacionados a educação e mercado de trabalho, em especial [em relação] a pessoas trans.

E no que diz respeito à educação?

É minha pauta principal. Sou professor e entendo que para evitar discursos de ódio e discriminação é fundamental sim, para mudança de cultura e paradigmas.

Por que a escolha pelo PSOL?

Não caberia em nenhum outro partido. O PSOL possui as bancadas mais combativas em todas câmaras e o partido que mais dá espaço para candidaturas e fala para a população LGBTI+.

Qual recado você deixa para os eleitores?
Representatividade real importa!