Endorfina Empreendedora: Benyamin Parham Fard

Este projeto surgiu da paixão em comum dos participantes do Lab.X Joinville pelo empreendedorismo. O principal objetivo é compartilhar entrevistas com empreendedores que vivem seus sonhos no dia a dia.

Créditos: Divulgação

Nossa próxima conversa é com o empresário Benyamin Parham Fard. Engenheiro por formação, o iraniano naturalizado brasileiro mantém, em Jaraguá do Sul (SC), a Biovita, empresa de consultoria para gestão sustentável, envolvendo — além da questão ambiental — o desenvolvimento econômico e social.

Desde o início de 2016, a empresa se tornou representante oficial, no Brasil, da Stanford Research Institute (SRI), fundada pela universidade americana de mesmo nome. Considerada referência mundial em Pesquisa e Desenvolvimento para a Inovação, a SRI tem sede mundial no Vale do Silício, região da Califórnia conhecida pelo alto desenvolvimento tecnológico.

Como surgiu a ideia de ser empreendedor?
Surgiu com a vontade de fazer algo diferente pelo sociedade em que vivo, pelo mundo.

Como você convence as pessoas a realizar o seu sonho?
Pessoas possuem vontades distintas, mas quando encontro aquelas com disposição ao empreendedorismo lhes conto minha experiência, minhas falhas e realizações.

Existe algum empreendedor em sua família?
Sim. Venho de uma família de empreendedores.

Créditos: Divulgação/CMJS

Como você se vê como pessoa?
Persistente, engajado, auto-motivado e sempre em busca de aprendizado.

Quais as suas características pessoais mais importantes para sua empresa?
O engajamento da equipe, a liderança pelo compartilhamento e a difusão dos ideais e valores comuns.

O que mais lhe marcou na sua trajetória como empreendedor?
A capacidade de superar desafios, a resiliência

Você mudaria algo em sua trajetória?
Não.

Qual foi o maior desafio encontrado até hoje como empreendedor?
Deixar de lado meus negócios por quase dois anos e meio para me dedicar à minha cidade e a melhorar seu futuro.

O que você diria para quem está começando a empreender?
Seja persistente, mantenha sempre seus valores e nunca deixe de aprender.

Infelizmente a ausência de recursos financeiros é grande inimigo dos empreendedores. Qual sua dica para superar essa dificuldade?
Comece pequeno, forme parcerias e comemore todas as pequenas vitorias.

O Brasil estimula o empreendedorismo?
Sim, mas existe pouco esforço publico efetivo em desburocratizar a vida do empreendedor.


Essa história te inspirou?

Acreditamos que o compartilhamento de histórias como esta podem ser um gatilho de motivação, deixe-se inspirar e corra atrás da realização de seus sonhos!