Não Morra Sem Conhecer Presidente Figueiredo -Am.

25 Motivos para você colocar a mochila nas costas pegar a estrada e bater em Figueiredo.

Parque Do Urubui

Presidente Figueiredo é um daqueles lugares encantadores, capaz de conectar com você a natureza e te levar a uma viagem interior dentro de você mesmo. É digno de fotos mais que incríveis, repleto de lugares que você precisa conhecer. Te convido a colocar a mochila nas costas, e se preparar pra viver momentos inesquecíveis, você pode ter loucas aventuras ou simplesmente lavando a alma em uma linda cachoeira.

25 Motivos para você colocar a mochila nas costas pegar a estrada e bater em Figueiredo.

1. Se a rotina te sufoca, um rapel te liberta.

“Existe prazer nas matas densas. Existe êxtase na costa deserta. Existe convivência sem que haja intromissão no mar profundo e música em seu ruído. Ao homem não amo pouco, porém muito a natureza.” — Lord Byron

2. Para encontrar liberdade, é necessário lavar a Alma.

“Não tenha medo de arriscar, pois se der errado adiantará seu sofrimento e se der certo prolongará a sua alegria.” (Maleck)

3 . De alma limpa se encontra a paz e o equilíbrio.

Fazer Slackline com esse cenário, deve ser uma das coisas mais incríveis do mundo.

4. Chega de transito, de engarrafamentos deixa tudo isso e embarque em um passeio de Tirolesa no meio da Floresta Amazônica.

Cada um de nós tem, na existência, no mínimo uma grande aventura. O segredo da vida é reeditar essa aventura sempre que seja possível.

5. Calma, se você não é tão radical assim, que tal relaxar e fazer uma seção de Yoga em uma linda cachoeira.

Sem paz interior, sem calma interior, é difícil encontrar uma paz duradoura.

6. Não gosta de Yoga, Tudo bem, vamos ali pescar um tucunaré.

Tem hora que da vontade de lagar tudo, voltar para o paraíso, virar pescador e viver da terra, teria muito menos de decepções.

7. Esqueça o cinza da cidade,o barulho dos carros e descubra a beleza de desbravar um rio.

Ele escolheu um barco para fazer a viagem, esperou o vento dar um rumo e seguiu, uma única certeza, ondas levaram ele a um lugar desconhecido, porque ele decidiu não remar.

8. Troque a balada por um acampamento com a galera.

“Porque no final, você não vai se lembrar do tempo que passou trabalhando no escritório ou cortando grama. Suba aquela maldita montanha” — Jack Kerouac

9. Esqueça o banho quente.

“A vida começa quando acaba a sua zona de conforto” — Neale Donald Walsch

10. Que tal parar pra Observar os pássaros e absolver os sons da mata.

“Alguns preferem viver em gaiolas vazias, do que arriscar libertar-se em perder seu medo. Estão totalmente protegidos em sua covardia.” (Eric Fernandes)

11. Esqueça o carro, a motocicleta e o barulho ensurdecedor dos motores, divirta-se em um Passeio de Kaiak pelo Rio Urubu.

“Daqui vinte anos você estará mais decepcionado pelas coisas que você não fez do que pelas coisas que você fez. Portanto livre-se das bolinas. Navegue longe dos portos seguros. Pegue os ventos da aventura em sua velas. Explore. Sonhe. Descubra.” (Mark Twain)

12. Você vai se sentir o Indiana Jones ao atravessar essa ponte.

“O medo de sofrer é pior do que o próprio sofrimento. É preciso correr riscos, seguir certos caminhos e abandonar outros.” (Paulo Coelho)

13. No topo das arvores o ar costuma ser mais puro, que tal uma escalada?

“Pra quê tanto medo de aventurar-se, se tua própria vida é a maior aventura de todas.” (Marina Nogueira)

14. Ou um rapel em uma cachoeira.

Fantástico…aventura-se assim…a minha descida foi lenta…sentia a água no rosto e a adrenalina no corpo… Liberdade misturada com segurança…. Incrivel

15. Deixa a correnteza te levar e a adrenalina tomar conta de você, enquanto você relaxa fazendo Boia Cross na Corredeira do Urubui.

“Se pra você a aventura perigosa, tente a rotina, é mortal” — Paulo Coelho

16.Troque a correria do dia a dia pela correria das águas.

“A vida é uma aventura audaciosa, ou não é nada. A segurança é geralmente uma superstição. Ela não existe na natureza” (Helen Keller)

17. Não recomendo a todos, apenas aos loucos o suficiente para saltar de kaiak na Cachoeira do Santuário.

“O que não provoca minha morte faz com que eu fique mais forte.” (Friedrich Nietzsche)

18. Junte os amigos ou a família para um Rafting no Urubui.

Nas nossas viagens em família, nós descobrimos que podemos ensinar e aprender tanto quanto em salas de aula, descobrimos que superar medos é permitir o aprendizado e que as coisas só dão certo, quando temos confiança e uma visão de superação das coisas que dão errado. (Família Melo)

19. Não precisa ficar de cabeça para baixo, mais não deixe de encara a Tirolesa da Cachoeira dos Pássaros.

“Gaste mais tempos naquilo que te faz feliz”

20. É possível fazer uma viagem pelo mundo subterrâneo da caverna do Maruaga, em uma expedição de Espeleoturismo.

“Nós viajamos, não para fugir da vida, mas para a vida não fugir de nós”

21. Ou mergulhar no Lago de Balbina.

Não gosto de nada que é raso, de água pela canela. Ou eu mergulho até encontrar o reino submerso de Atlântida, ou fico à margem, espiando de fora. Martha Medeiros

22. Você vai esquecer as escadas e elevadores que te levaram ao topo dos prédios, mais nunca ira esquecer da rocha que você escalou para alcançar o topo da montanha.

Os meus limites me fizeram crer que a cada escalada há uma nova montanha.

23. Faça uma Cavalgada Equestre porque para voar, basta tomar as rédeas nas mãos.

“ Onde senão no cavalo encontramos nobreza sem arrogância, amizade sem inveja e beleza sem vaidade? “

25. Presidente Figueiredo possui dezenas de cachoeiras, onde você pode relaxar, adoraria colocar fotos de todas aqui, mais infelizmente esse post ficaria muito grande, vou colocar apenas uma, mais prometo fazer um post só com as cachoeiras.

Cachoeira do Catarino

Se você estar decidido, a viver alguma dessas aventuras eu recomendo que procure informações no Centro de Atendimento ao turista assim que chegar em Presidente Figueiredo ou entre em contato com a Biotur Amazonas

Para Informações e Reservas:
Contato:(92)99493–3045/99348–2412
E-mail:bioturamazonas@gmail.com

Todas as imagens usadas nesta publicação foram retiradas da internet, se você e autor de alguma delas, e desejar seu nome vinculado a fotografia entre em contato pelo e-mail fernandoaciole@live.com.
One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.