vol 06, n. 11 — Imagens Feministas ou Feminismos em Imagens

Fotocronografias
Oct 8, 2019 · 3 min read

Imagens Feministas ou Feminismos em Imagens

Organização desta edição
Fabiene Gama
Marielen Baldissera
Thayanne Freitas

Submissão de trabalhos para este dossiê até 31/03/2020


A antropologia e a fotografia possuem uma relação de longa data. Nasceram praticamente juntas, dividindo um interesse pela alteridade. Mas, se a fotografia em pesquisas acadêmicas inicialmente era vista como uma prova de algo relatado em palavras, um apêndice ou mera ilustração, hoje seus usos se multiplicaram e as imagens (fotografias, mas também desenhos e vídeos) se tornaram também produtoras de conhecimento. Na início do século XX, ainda que diversas mulheres estivessem envolvidas na produção de fotografias etnográficas (vide o trabalho de Charlotte Rosembaum na Comissão Rondon, ou de Berta Ribeiro no Serviço de Proteção ao Índio), muitas vezes esta produção era invisibilizada ou tida como trabalho técnico. Hoje, contudo, diversas pesquisadoras se dedicam a pensar sobre as fotografias produzidas por outras mulheres.

Discussões sobre o feminismo também foram ampliadas, ganhando novos espaços e problematizações. Hoje não falamos mais em uma teoria feminista, mas em feminismos, no plural. São diversas as correntes, que muitas vezes pautam questões distintas: o feminismo negro, o feminismo interseccional, o feminismo radical, o transfeminismo, o feminismo liberal e outras vertentes. Assim, se o feminismo nasceu criticando as diferenças existentes entre as funções sociais designadas para as mulheres e para os homens, buscando atingir a ideia utópica de equidade sexual; feministas negras já apontavam para opressões e desigualdades no acesso a direitos sociais básicos e, posteriormente, a necessidade de uma maior representação e visibilidade nos espaços de produção de conhecimento de mulheres negras (hooks, 2018).

Do movimento feminista branco europeu ao feminismo interseccional, passando pelas diversas correntes feministas, a antropologia também tem se dedicado à produção do conhecimento sobre as desigualdades de poder nas relações de gênero, raça e classe. A proposta deste dossiê temático, portanto, vai ao encontro de movimentos realizados por pesquisadoras de diversas áreas, conectadas com o feminismo, que buscam produzir novas categorias para refletir sobre as desigualdades nas experiências de gênero (Soihet, 2014). Assim, buscamos reunir trabalhos de pesquisa em que a temática feminista seja central e pensada em conjunto com a produção visual. Para nós é importante que as imagens apresentem não só um diálogo com os feminismos, mas novas formas de pesquisar e produzir teorias. Trabalhos interdisciplinares que transitem na fronteira entre antropologia, artes visuais, fotografia e estudos feministas serão bem vindos.


Lembramos que a Fotocronografias também está publicando em Fluxo Contínuo, além dos dossiês temáticos. Acesse mais informações nas Normas de Publicação e qualquer dúvida entre em contato.

Submissão de trabalhos para este dossiê até 31/03/2020


Referências Bibliográficas

HOOKS, Bell. O feminismo é para todo mundo: políticas arrebatadoras. 1ª ed. Rio de Janeiro: Rosa dos Tempos, 2018.

SOIHET, Rachel. Discutindo biografia e história das mulheres. In: FUNCK, Susana Bornéo; MINELLA, Luzinete Simões; ASSIS, Gláucia de Olveira (Orgs). Linguagens e Narrativas: Desafios Feministas. Tubarão: Ed. Copiart, 2014.

Fotocronografias

O portal fotocronografias objetiva divulgar ensaios fotográficos que resultem de pesquisas etnográficas e de estudos antropológicos. The Fotocronografias website aims to disseminate photographic essays that result from ethnographic researches and anthropological studies.

Fotocronografias

Written by

O portal fotocronografias objetiva divulgar ensaios fotográficos que resultem de pesquisas etnográficas e de estudos antropológicos.

Fotocronografias

O portal fotocronografias objetiva divulgar ensaios fotográficos que resultem de pesquisas etnográficas e de estudos antropológicos. The Fotocronografias website aims to disseminate photographic essays that result from ethnographic researches and anthropological studies.

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade