Como serão os seres humanos daqui a 1.000 anos?

Por Redação

Conheça as previsões de três empresas para o futuro da humanidade (Crédito: Shutterstock)

A maioria das transformações da história aconteceu nos últimos 200 anos e, em especial, nas últimas cinco décadas. Embora a trajetória dos seres humanos tenha sido inquieta, nunca a escala e a velocidade das mudanças foram tão significativas como hoje. Vivemos uma época realmente incrível.

No ritmo alucinante em que a vida anda, como poderíamos prever o que acontecerá a seguir? Se é particularmente difícil antecipar como será o mundo amanhã, o que dizer dos próximos 10, 20, 30, 40, 50 ou mesmo 100 anos? Uma tarefa praticamente impossível, não é mesmo?

Como viveremos daqui a 1.000 anos? (Crédito: Shutterstock)

Ignorando as críticas relacionadas à predição, três empresas decidiram pensar mais longe e imaginar como será o mundo daqui a 1.000 anos. Em três vídeos distintos, AsapScience, Riddle e Tech Insider antecipam algumas das mudanças que a humanidade poderá presenciar no próximo milênio.

Como serão os seres humanos daqui a 1.000 anos?

Segundo o canal AsapScience, o corpo humano será bem diferente do que estamos habituados. Os futuros seres humanos terão uma maior estatura, olhos maiores e uma visão aprimorada. Nossos corpos terão menor massa muscular, como uma espécie de defesa para dissipar o calor.

Nanorrobôs serão sutilmente integrados em nossos corpos para aprimorar nossas capacidades. Não seremos mais limitados pela nossa própria fisiologia, pois combinaremos biologia com tecnologia dentro de nossos corpos:

De acordo com a Riddle, seremos capazes de estender a vida humana dentro do próximo milênio. A expectativa média de vida evoluiu muito nos últimos 200 anos. Em 1800, era de apenas 37 anos. Hoje, nossa expectativa de vida é de 79 anos. Tudo leva a crer que ultrapassaremos 120 anos, em média.

Além disso, usaremos nanorrobôs para purificar e proteger nossos corpos, freando o envelhecimento e combatendo doenças como o câncer. As máquinas nanotecnológicas poderão também purificar a água e o ar, oferecendo um meio ambiente limpo e saudável para toda a humanidade:

Segundo a Tech Insider, os humanos provavelmente serão mais altos do que hoje. A previsão se baseia sobretudo pela evolução da estatura nos últimos 130 anos. Em 1880, os seres humanos tinham, em média, 1,73m. Hoje, chegam a 1,81m. Ao que tudo indica, ultrapassaremos 2 metros de altura daqui a 1.000 anos.

Além da estatura, nossos sentidos também serão melhores. Isso porque poderemos combiná-los com máquinas. Não apenas enxergaremos com mais nitidez, como cegos voltarão a ver. Contudo, ainda não seremos capazes de enxergar diferentes energias de luz como o infravermelho e os raios X:

As predições foram publicadas em outubro de 2015, abril de 2017 e maio de 2017, respectivamente. Considerando que os cenários foram imaginados a partir do conhecimento tecnocientífico atual, há incontáveis transformações passíveis de se concretizar que estão muito além de nosso entendimento.

Seja como for, os vídeos nos permitem refletir e, acima de tudo, imaginar qual(is) futuro(s) queremos construir.

Fonte: Futuro Exponencial

Like what you read? Give Futuro Exponencial a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.