chuva de inverno

Por Brunna Soares

Ilustração por Bianca Brega.

chove
quando eu me deito
chove
na madrugada,
nos meus sonhos
perturbados,
o meu sono
tempestade.
e quando eu acordo
ainda é noite.
nos meus olhos
ainda chove.
será que o dia
não será sol?
de novo uma gota,
garoa cinzenta.
chove,
mas não aparece,
só umedece
e acumula
pesadas nuvens
a romper o silêncio,
relampejar
 a escuridão de dentro.


Ilustração por Bianca Brega. Design por Gabriela Oliveira.

Para ler a segunda edição de Granada, clique aqui.

Estamos também no Facebook Twitter.


Colagem por Beatriz Brandão. Design por Gabriela Oliveira.

Quer ler a primeira edição? Clique aqui.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.