“O apóstolo da autossugestão trabalhando no jardim em sua ‘clínica’, em Nancy.”
Une approche positive | Méthode Coué

Ouça o episódio no player abaixo!

HP News
HP News
Sep 12, 2016 · 13 min read

Induções Hipnóticas vs. Sugestões Hipnóticas

Introdução

Olá amigos, bom dia, boa tarde ou boa noite. Eu sou Samej Spenser e este é mais um episódio do podcast HP News, hipnose ao pé do ouvido; hoje vou falar sobre um assunto extremamente pertinente na hipnose, em detrimento de outro muito divulgado, procurado e até massivamente ensinado nos cursos de final de semana, (e nos vídeos de hipnose dos youtuber’s): o assunto hoje é “Induções Hipnóticas vs. Sugestões Hipnóticas”.

Definição de Indução

Inicio por conferir o significado da palavra “indução”. Digitando a palavra “indução” no Google, o primeiro resultado que se obtém é sua definição básica; e essa definição é:

Segundo o Wikcionário

IN·DU·ÇÃO: s.f. 1. Ato ou efeito de induzir; 2. Levar a outro lugar; 3. [Lógica] Raciocínio cujas premissas têm caráter menos geral que a conclusão.

Definições de “Sugestão”

No que trata sobre sugestão, vou partir do início e conferir o significado da palavra segundo alguns dicionários.

Segundo o Dicio — Dicionário Online de Português

SU·GES·TÃO: s.f. Proposta; aquilo que se sugere, se propõe, se aconselha. Inspiração; o que incita a realização de algo. Ideia; o que se dá a entender. Na [Psicologia], é o processo de influência através do qual o indivíduo altera o seu comportamento, muda de opinião, sem estar consciente dessa mudança, sem saber o porquê de sua ocorrência.

Sinônimos de Sugestão

O Dicio ainda propõe alguns sinônimos para a palavra sugestão.
Sugestão é sinônimo de: proposta, ideia, insinuação, inspiração.

Segundo o Dicionário Priberam

SU·GES·TÃO: s.f. 1. Ato ou efeito de sugerir. 2. Estímulo; instigação; inspiração.

Sugestão | Wikipédia

Ainda tratando da etimologia e/ou significado de sugestão, vejamos agora o que diz a Wikipédia:

Sugestão

No campo da psicologia, a sugestão (do latim suggestione) é a influência que um indivíduo exerce sobre o poder de decisão de um ou mais indivíduos. Quando acontece sob efeito de hipnose, é chamada de sugestão hipnótica.

Sugestão e Hipnose

Mencionada pelo médico James Braid a propósito da hipnose, depois por Ambroise-Auguste Liébeault, a sugestão foi, sobretudo, definida e colocada no centro do processo psicoterápico por Hippolyte Bernheim. Em 1884, Bernheim definiu-a como “ato pelo qual uma ideia é introduzida no cérebro e por ele aceita”. Segundo Bernheim, Joseph Delbœuf e os outros membros da Escola de Nancy (também chamada Escola da Sugestão), é a sugestão que explica a hipnose, e não um fenômeno fisiológico qualquer.

O “Método Coué”

Coué introduziu um novo método de psicoterapia: o estímulo do self pela autossugestão consciente. Modificou a teoria de Abade Faria, ao propor que a autossugestão flui da mente, mas um primeiro estímulo pessoal a aciona. Ao repetir palavras ou imagens como autossugestão à própria mente subconsciente, a pessoa pode condicioná-la e, então, a mente condicionada produzirá um comando autogênico quando necessário. Seu mantra familiar, “Todos os dias, sob todos os pontos de vista, estou cada vez melhor”, em francês: (Tous les jours à tous points de vue je vais de mieux en mieux), às vezes é conhecido como “coueísmo” ou “Método Coué”. O método depende em parte da repetição rotineira de uma fórmula (princípio da autossugestão), obedecendo a uma espécie de ritual no início do dia (ao despertar) e no final do dia (antes de adormecer).

Pronúncia (em francês) do “mantra” de Émile Coué | SoundCloud
  • Quando se concentra num pensamento, esse pensamento torna-se verdade porque o corpo o transforma em ação.

Curiosidade

ao fundo você ouve John Lennon, cantando a música “Beautiful Boy” do álbum Double Fantasy de 1980.

Beautiful Boy (Darling Boy) de John Lennon | YouTube

Sugestão + Hipnose

entrando com a hipnose no assunto sugestão de forma mais enfática, ouça o que diz o texto “Sugestão Hipnótica”, no Portal CMC, (vale mencionar que o texto não cita o nome do autor, e o link citado como fonte está quebrado. Link visitado em 07 de Agosto de 2016):

Sugestão Hipnótica

Sugestão é a imposição temporária da vontade de uma pessoa no cérebro de outra (ou no seu próprio) por um processo puramente mental.

  1. A imaginação é capaz de provocar alterações de toda sorte no organismo de uma pessoa. E, comprovadamente, estas alterações têm correlação qualitativa: pensamentos positivos — fé, amor, esperança, alegria etc. — provocam reações saudáveis na pessoa. Sentimentos negativos — ódio, ressentimento, medo etc. — provocam reações desagradáveis, como por exemplo, dores assintomáticas, prisão de ventre, indisposição estomacal, insônia e, segundo comprovam as pesquisas, também fazem baixar o nível imunológico tornando a pessoa predisposta à infecções de diversos tipos.
  2. Tudo o que pensamos, com clareza e firmeza, transplanta-se, dentro dos limites do bom senso, para a faixa somática. Ao imaginarmos que estamos comendo uma fatia gostosa de abacaxi, não raro as glândulas salivares começam a segregar saliva, já repararam isso? Se imaginarmos, com firmeza, que não podemos fazer uma coisa, por exemplo, soltar as mãos fortemente encaixadas uma na outra, então não poderemos mesmo.
  3. Nosso consciente é constantemente influenciado pelo subconsciente. Desta forma, podemos programar nosso subconsciente para o sucesso da mesma forma como podemos programá-lo para o fracasso.
  4. Quando o intelecto e a imaginação têm pontos de vistas diferentes, vence sempre a imaginação (como definiu Coué). Ela é mais forte que a inteligência. Mesmo sabendo (intelecto) dos riscos estéticos de ficar comendo doces a toda hora, poucos resistem à ideia (imaginação) de provar uma fatia daquele pudim de laranja gostoso que está na geladeira. Assim sendo, nenhuma pessoa inteligente deve fazer tentativas a partir, exclusivamente, da “força de vontade”. Antes disso, ela precisa, necessariamente, reprogramar sua imaginação.
  5. O acesso mais fácil para o subconsciente é o estado de total relaxamento. Quando as ondas cerebrais caem para em torno de oito ciclos por segundo — nível alfa — abrem-se os poros do nosso subconsciente.

Opiniões diversas

Além de trazer esse conteúdo abordando a sugestão hipnótica, também solicitei que algumas pessoas enviassem uma mensagem de voz via Telegram, dizendo a diferença entre indução e sugestão hipnótica.

Olá Fulano, bom dia, boa tarde ou boa noite.
Gostaria de lhe pedir um favor, (se puder, claro)…
Pode mandar um áudio aqui no Telegram, inbox, me dizendo sua opinião sobre a diferença entre “induções hipnóticas” versus “sugestões hipnóticas”?!
Um áudio curto, entre 3 e 5 minutos, no máximo.
Pretendo utilizar esse áudio num episódio de podcast que farei sozinho sobre esse tema.
Desde já, muito grato!

Fui sucinto, sem entrar em detalhes sobre o assunto ou o que pretendia fazer, justamente para evitar contaminar o conteúdo do áudio que receberia de cada um deles.

Amílcar Sá Nogueira

Amílcar Sá Nogueira é um hipnólogo angolano, residente em Luanda, membro do Grupo HIPNOSE Prática no Telegram e Facebook. Sobre o assunto, ele disse o seguinte:

Amílcar Sá Nogueira | SoundCloud

André Percia

André Percia mora no RJ; é Master Trainer em PNL, Mastercoach Trainer, Design Human Engineer™, Conferencista Internacional, Psicólogo e Hipnoterapeuta. Sobre o assunto, ele disse o seguinte:

André Percia | SoundCloud

Antonio Azevedo

Antonio Azevedo mora no RJ; é Coach, Palestrante, Master Practitioner e Trainer em PNL — Programação NeuroLinguística, Instrutor e profissional de Recursos Humanos e membro do Grupo HIPNOSE Prática no Telegram e Facebook. Sobre o assunto, ele disse o seguinte:

Antonio Azevedo | Hearthis.at

Fábio Carvalho

Fábio Carvalho é natural de Jataí, Goiás; morando atualmente em Frisco, no Texas. Formado em Gestão da Tecnologia da Informação, estudioso da Hipnose e PNL — Programação NeuroLinguística, autor dos livros Como se Fosse e Reflexões de um Hipnólogo, idealizador do Canal do Hipnólogo, apresentador do podcast HypnoCast: o podcast da Hipnose, atual presidente do National Guild of Hypnotists (North Dallas Chapter), ex presidente da Sociedade Brasileira de Hipnologia e membro do Grupo HIPNOSE Prática no Telegram e Facebook. Sobre o assunto, ele disse o seguinte:

Fábio Carvalho | Hearthis.at

Julyver Modesto

Julyver Modesto de Araujo mora em São Paulo, é Mestre em Direito do Estado, Capitão da Polícia Militar do Estado de São Paulo, autor de diversos livros e artigos e Professor de Cursos de Pós-graduação; estudante e entusiasta da Programação NeuroLinguística e Hipnose, no campo das relações humanas, inteligência emocional e desenvolvimento pessoal; Practitioner em PNL pela Sociedade Brasileira de PNL, com formação em Hipnose Clássica e Ericksoniana; Hipnoterapeuta, pela Sociedade InterAmericana de Hipnose, e membro do Grupo HIPNOSE Prática no Telegram e Facebook. Sobre o assunto, ele disse o seguinte:

Julyver Modesto | Hearthis.at

Lauro Pontes

Lauro Pontes mora no RJ; Psicólogo, Mestre em Psicologia, Doutor em Psicologia, Membro do Conselho de Ética do CRP/RJ, Hipnoterapeuta e membro do Grupo HIPNOSE Prática no Telegram e Facebook. Sobre o assunto, ele disse o seguinte:

Lauro Pontes | Hearthis.at

Conclusão

Essas foram as respostas que obtive à solicitação feita, e penso que tenham sido bem claras, sucintas e objetivas sobre o assunto.

Créditos

Produção, narração, edição e publicação por Samej Spenser.

Canal “HP News | Hipnose Prática” no Telegram

Hipnose Prática

Publicações sobre Auto-Hipnose, Hipnose, Hipnoterapia…

Medium is an open platform where 170 million readers come to find insightful and dynamic thinking. Here, expert and undiscovered voices alike dive into the heart of any topic and bring new ideas to the surface. Learn more

Follow the writers, publications, and topics that matter to you, and you’ll see them on your homepage and in your inbox. Explore

If you have a story to tell, knowledge to share, or a perspective to offer — welcome home. It’s easy and free to post your thinking on any topic. Write on Medium

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store