4 tendências digitais para a sua empresa ficar de olho em 2018

I Love Pixel
Jan 2, 2018 · 4 min read

229 bilhões de dólares: esse foi o total de verba investida em publicidade digital ao longo de 2017. Um montante tão impressionante, que fez com que o gasto com anúncios on-line ultrapassasse de vez aquele com anúncios tradicionais.

E com tanta empresa investindo grana na internet, nada melhor do que ficar de olho naquilo que pode trazer ainda mais resultados na web no ano de 2018. Afinal, ninguém quer ficar atrás da concorrência, certo?

Por isso separamos 5 tendências digitais — que já podem ser observadas por aí — para você acompanhar e até investir neste novo ano.

Confira!

1 — O colapso da busca por grandes influenciadores

Whindersson Nunes, o maior influenciador digital do Brasil atualmente

De acordo com Craig Greiwe, vice-presidente da R&C Digital Group (agência responsável marcas como DreamWorks e McDonald’s SoCal), muitas empresas hoje apostam rios de dinheiro em estratégias com grandes influenciadores sem conseguir mensurar ou ver os resultados desse investimento. Algo que obviamente não costuma ser bom para nenhuma marca.

Por isso que 2018 pode ser o início do colapso do mercado de grandes influenciadores, que também sofre com o crescimento do interesse por micro-influenciadores, que conseguem conversar com públicos mais especializados e por um custo extremamente mais baixo.

2 — Verba separada para experimentações

3 — A volta definitiva da publicidade nativa

Porcentagem de usuários com algum tipo de AdBlock instalado por país

Isso quer dizer que investir em Google, Youtube e Facebooks ads não vale mais a pena? De forma alguma! A maioria das pessoas ainda não faz ideia do que significa um AdBlock. No entanto, com o crescimento mensal da base de usuários desse tipo de sistema, se torna cada vez mais necessário investir em outros tipos de publicidade, inclusive a publicidade nativa, que além de conversar melhor com a audiência, também ajuda nas estratégias de Inbound Marketing e, de quebra, dribla os problemas causados pelo AdBlock.

4 — Aumento da complexidade do Inbound Marketing

Só que de lá para cá muita coisa mudou e agora não basta “apenas” criar conteúdo para blog e compartilha-lo na redes sociais. Existe também a necessidade de se investir em ações de e-mail marketing, vídeos para Youtube, vídeos para o Facebook, landing pages, a já citada publicidade nativa, postagens para o Instagram e até podcasts e conteúdo em realidade aumentada. E tudo isso com um olhar bastante atento para mensurar o que de fato dá certo em cada uma das opções.

Logo, a menos que a suas ações de publicidade on-line estejam nas mãos de quem realmente entende do assunto, pode ser que a sua empresa esteja jogando dinheiro fora.

The Message, o podcast criado e mantido pela GE como parte de sua estratégia de Inbound Marketing

Como você pôde ver por aqui, existem várias tendências digitais que podem fazer a diferença para a sua comunicação on-line em 2018. Portanto, fique de olho nelas e não deixe de experimenta-las na sua empresa.

Quer saber mais a respeito do mercado digital? Então siga a I Love Pixel no Facebook.

I Love Pixel

Um blog para quem ama o mundo digital

I Love Pixel

Um blog para quem ama o mundo digital

I Love Pixel

Written by

I Love Pixel

Um blog para quem ama o mundo digital