Brega ou cool? Casamentos trocam tesoura por “gravata digital” para doações

Logo mais essa tradição pode acabar — ou, pelo menos, ser mais prática. Matéria do Uol (05/03/2018)

Sabe aquele momento da festa de casamento em que o noivo passa oferecendo pedaços da sua gravata em troca de doações em dinheiro? E a noiva passa por seus convidados segurando seu sapato pedindo contribuições? Logo mais essa tradição pode acabar — ou, pelo menos, ser mais prática.

Já inventaram uma gravata digital, que funciona com a ajuda de um QR Code (código de leitura para celular) que fica espalhado pelas mesas dos convidados.

Quando o convidado posiciona o smartphone para a leitura do código, o sistema o redireciona para a página do casal no site de casamentos iCasei, onde os noivos fizeram um pré-cadastro com suas informações pessoais.

Neste momento, são oferecidas opções para doações via cartão de crédito e o parcelamento em até seis vezes! O valor doado fica a critério de cada convidado, mas é preciso o mínimo de R$ 10 de contribuição.

Segundo a empresa iCasei, a ideia é facilitar a vida de todos, já que é cada vez mais comum as pessoas deixarem de andar com dinheiro vivo.

Pensando na parte prática, a ferramenta tem boas chances de agradar futuros noivos e até reduzir certos constrangimentos entre os convidados que não podem doar (ou não querem) e se sentem obrigados a darem algum dinheiro na hora em que os noivos e padrinhos passam fazendo a festa (e a cobrança).

Além disso, a gravata virtual pode facilitar tanto para quem pode doar pouco quanto para aqueles que podem doar altos valores. Afinal, quem anda com muito dinheiro na carteira hoje em dia?

A ferramenta está funcionando há pouco mais de 30 dias e, segundo a empresa, já foi adotada por mais de 2.000 casais que usaram os serviços do iCasei.

Matéria Original — Uol (05/03/2018)