A redução da inadimplência para os jovens empreendedores

Ter uma empresa, principalmente no começo, pode gerar muitos desafios na hora de equilibrar as contas. Uma das maiores causa desse problema são os clientes que não pagam pelos serviços, causando a chamada inadimplência.

O fato do cliente não pagar pelo produto ou serviço usufruído gera prejuízo e atrasa o crescimento da empresa, dificultando a aquisição de novos equipamentos e até o pagamento de funcionários. Por isso, o jovem empreendedor, que está começando a sua empresa agora, deve batalhar para que as contas fiquem em dia e não haja desentendimentos com clientes.

Tenha uma comunicação constante

Cobrar pessoas nem sempre é fácil, mas é extremamente necessário quando estamos falando de uma empresa que está começando e também quando são muitas pessoas que estão inadimplentes. As formas de se fazer isso podem ser as mensagens SMS, os e-mails e o telefone.

As mensagens SMS, por exemplo, são uma forma simples e prática de fazer cobranças. O seu cliente não terá a opção de atender a sua ligação ou não, e uma vantagem é que as mensagens de texto têm 98% de taxa de leitura. É possível também deixar a mensagem pessoal, colocando o nome do cliente de forma automática, e você pode mandar o código do boleto para facilitar o pagamento.

Premie os clientes mais fiéis

Uma forma de evitar que inadimplências aconteçam é incentivar os clientes que pagam a sua empresa em dia. É possível utilizar programas de fidelidade e, se a sua empresa trabalha no modelo de assinatura ou mensalidade, oferecer descontos para os melhores pagantes.

As pessoas buscam cada vez mais recompensas por escolherem determinadas empresas e essas atitudes podem fazer os clientes se sentirem valorizados. Não se esqueça de divulgar essa iniciativa, por meio de materiais no seu estabelecimento ou por meio das mídias sociais.

Com essas atitudes, você evita prejuízos e faz com que sua empresa, que está começando, tenha o capital necessário para que os investimentos necessários possam ser feitos e ela possa crescer.

Conteúdo por Gabriela Stähler

Analista de Marketing na Facilita Móvel

www.facilitamovel.com.br