#164 Cinco livros pra ajudar a botar sua arte no mundo.

Lembrando que umas das definições de arte que acredito é, fazer um trabalho que tenha a nossa personalidade, nossa voz.

Gostaria de ter lido esses livros bem antes do momento em que os li.

Livro excelente pra quem quer descobrir sobre um estilo de vida mais autodidata. O livro faz uma crítica a obrigatoriedade do jovem cursar uma faculdade após o ensino médio. Traz 7 conselhos essenciais para quem busca êxito na carreira. Inspirado em histórias reais de pessoas que cresceram na vida e na carreira a partir da vivência e não particularmente da educação formal, o autor relata o caminho desses vencedores, apontando erros e acertos, ressaltando a importância de aprender na prática. Uma ótima leitura para quem quer empreender, criar seu trabalho ou mesmo para aquele jovem que está com a corda no pescoço, sofrendo pressão de todos os lados para entrar em uma universidade, sem ao menos saber qual carreira seguir.

O James Altucher com esse livro, foi um dos responsáveis por despertar minha veia empreendedora e por me fazer enxergar além do rebanho da normalidade. O livro expõe a mudança no mundo em que os empregados não podem mais ficar dependentes das empresas e devem correr atrás do autoaprimoramento e empreendedorismo. Importante pra entender como vai ser o futuro dos empregos (futuro esse que já chegou) e pra se preparar para as mudanças no mercado de trabalho que estão acontecendo. Te estimula a assumir riscos e continuar tentando mesmo que suas idéias falhem. Sem contar que o jeito de escrever do James é muito gostoso de ler, mais parece um diálogo entre você e o autor.

Além de ser um livro interessantíssimo, é também muito gostoso de ler. Tem uma linguagem coloquial, visual, interessante e nem um pouco cansativa. Sou suspeito pra falar porque sou fã do trabalho do Tiago Mattos. O Tiago é um dos sócios fundadores da escola de atividades criativas Perestroika e futurista formado pela Singularity University: parceria da NASA e do Google, dentro do campus da NASA, no Vale do Silício, que prepara os ‘líderes do amanhã’. O livro trás seus pensamentos sobre como empreender e tirar ideias do papel. Além de outros questionamentos e reflexões sobre empreendedorismo e gestão no mundo pós-revolução digital.

Devorei esse livro muito rápido, é prático, preciso e claro. Peter Thiel, cofundador do PayPal e da Palantir e um dos investidores de maior sucesso do Vale do Silício, apresenta sua visão única sobre o que é a criação de valor pro mundo. Um livro que te desafia a pensar por si mesmo e analisa o processo empreendedor pra se criar negócios que vão de 0 a 1, ou seja, inovadores, ao contrário de copiar modelos que levam o mundo de 1 a n, ampliando o que nos é familiar. Um livro que começa com a pergunta “sobre que verdade importante pouquíssimas pessoas concordam com você?”, e que definitivamente merece ser lido por quem pensa em gerar valor pro mundo.

O Austin Kleon é um dos meus autores favoritos. O livro traz dicas sobre criatividade que mostram como todo trabalho é fruto de uma série de referências. Livro divertido, simples e incrivelmente inspirador e auxiliador. Te incentiva e te impulsiona pra ação. Um livro pra manter por perto e sempre reler. Um verdadeiro manifesto ilustrado de como ser criativo na era digital.


One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.