Governo autoriza aumento da extração de xisto no Paraná

Medida tomada por Beto Richa licencia a atuação da empresa SIX no município de São Mateus do Sul

Reportagem: Arthur Henrique | Edição: Anna Sens

O município de São Mateus do Sul, localizado a 150km de Curitiba, possui um dos maiores centros de exploração de xisto do mundo. A atividade é realizada pela Unidade de Industrialização de Xisto (SIX), que recebeu licença ambiental emitida pelo Instituto Ambiental do Paraná (IAP). Nesta quinta, 18, o governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), anunciou a medida para ampliar as atividades da SIX na cidade.

A decisão impacta fortemente o município de São Mateus do Sul, pois, segundo dados da Prefeitura, a Unidade afeta cerca de 16 mil pessoas na cidade, quase um terço da população total. A empresa está instalada no município desde 1972.

O impacto da empresa na cidade ocorre também na arrecadação. De acordo com dados da Prefeitura, a arrecadação de impostos da SIX corresponde a 48% do PIB municipal, cerca de R$ 20 milhões.

A SIX recebe investimentos da Petrobras e com as denúncias de corrupção da Operação Lava-Jato, tais recursos devem ser reduzidos.

A Assessoria de Comunicação da Prefeitura do município afirma que a medida do governo é positiva para a cidade.

Like what you read? Give Jorlab a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.