Apesar de fazer parte da clientela, Nex Coworking não deu detalhes sobre possível parceria com a Uber

Após confirmada a vinda para Curitiba, a empresa irá convocar motoristas para o serviço de carona compartilhada

Reportagem: Marcia Faustino | Edição: Valsui Júnior

Após ter contratado três profissionais para área administrativa em Curitiba no ano passado, a empresa confirma vinda para a capital com outas vagas de atuação no serviço de carona compartilhada. A Nex Coworking não deu detalhes sobre uma possível parceria relacionada com a chegada do aplicativo à cidade.

De acordo com o site da rádio BandNews, a assessoria afirmou por meio de nota que a empresa que opera o aplicativo está avaliando a possibilidade de Curitiba recebê-lo “em algum momento de 2016”, como já acontece em mais de 360 cidades no mundo.

Disponível em cinco capitais brasileiras, o aplicativo criticado por muitos taxistas, que perderiam a exclusividade pelos passageiros foi tema para um projeto de lei apresentado pelo vereador de Curitiba, Chico do Uberaba (PMN) em julho de 2015 e não tem prazo para a votação no plenário.

O Instituto Paraná Pesquisas, mostrou que a maioria dos curitibanos aprova o aplicativo Uber e a redução do preço da corrida é a principal vantagem do sistema.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Jorlab’s story.