Pequenos Hackers invadem LabHacker nesta sexta-feira

Todo mundo já está em contagem regressiva para sexta-feira, mas o LabHacker tem um motivo ainda mais especial para isso. Dia 29, jovens com idade entre 10 e 12 anos vão invadir o laboratório para mais uma oficina Pequenos Hackers. Desta vez, em sua terceira edição, a turminha — formada por oito meninos e duas meninas — vai receber noções de cidadania e de programação de computadores de um jeito simples e divertido.

O desafio é aprender a fazer um joguinho usando as plataformas Scratch e CodeStudio. As crianças vão trabalhar com a lógica de programação de uma maneira visual e será possível entender o raciocínio usado sem precisar entrar na linguagem de programação propriamente dita. E o que isso tem a ver com a Câmara? Tudo!

Cidadania
 Durante a construção do game, os participantes mirins também serão apresentados a uma série de perguntas e respostas sobre a diferença entre os três Poderes e as tarefas de cada um, como uma forma de interligar conhecimentos de cidadania e atuação dos nossos representantes às noções de computação. A brincadeira é avançar por um labirinto, respondendo pergunta a pergunta. Quem não acertar a resposta volta algumas casas e aprende de novo. E assim todo mundo ganha!

Para garantir a vaga nesta oficina, os selecionados participaram de uma promoção em que, com um vídeo de até um minuto, responderam a pergunta: o que a democracia tem a ver com tecnologia? As vagas remanescentes foram sorteadas entre os demais interessados.

Jogo online e circuitos
 Esta é a terceira edição da oficina Pequenos Hackers. Em março, o LabHacker, em parceria com o Plenarinho — o site infanto-juvenil da Câmara — realizou um grande debate para a ideação de um jogo online de representatividade e cidadania, que está sendo construído com as sugestões dos próprios jovens.

Em setembro do ano passado, foi realizada a primeira edição do evento, em parceria com o Brasília Fab Lab, uma rede mundial de laboratórios de fabricação digital criada pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). Crianças entre 6 e 10 anos se divertiram pra valer na oficina, brincando com dispositivos tecnológicos que trabalham conectividade e circuitos de forma lúdica.

E vem muito mais por aí!


Originally published at blog.labhackercd.leg.br on October 27, 2017.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.