Meu peito agora ama o desconhecido

Sem imagina-lo muito além do mínimo

Sem identidade

Sem gênero

Sem vícios

Meu peito agora ama o sonho do possível

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.