A Missão do Contrabandista

Uma Aventura de Han Solo e Chewbacca

A Editora Seguinte lançou três livros dos principais personagens da primeira trilogia de Star Wars: Alvo em Movimento — Uma História da Princesa Leia, A Arma de um Jedi — Uma Aventura de Luke Skywalker e este aqui de Han e Chewie. Os três livros são super legais e dão uma visão do que aconteceu em momentos que não vimos no cinema.

“Uma nave é mais que um motor, mais que escudos ou jatos ou hiperpropulsores ou qualquer outra coisa.(…)Uma nave precisa de todas essas coisas, mas não é nada se não tiver a tripulação ideal.”

Essa aventura de Han e Chewie se passa entre os episódios IV — Uma Nova Esperança, e V — O Império Contra-Ataca. É interessante ver com mais detalhes o conflito na mente de Han Solo: ajudar Leia, salvar a galáxia, ou se importar apenas consigo mesmo e fugir do Hutt?

“ — A confiança é tão preciosa quanto rara, mas você só ganha quando dá.(…) Confiança não é dada, é conquistada — disse Solo. — Assim como a amizade.”

Dos três livros, achei que esse é o que mais conseguimos visualizar os personagens MESMO. Greg Rucka está de parabéns, pois conseguiu transmitir a personalidade dos personagens de modo perfeito para a literatura. Além disso, os outros personagens que surgem também são muito bem trabalhados.

É interessante conhecer mais sobre os caçadores de recompensa. E, como já citei, o conflito interno de Solo é muito bem trabalhado também. Esse livro é pequeno mas tem muito conteúdo interessante, diria que é indispensável para quem quer ler o cânone do universo expandido.

“Uma coisa que vocês precisam saber é que existem tantas versões da verdade quanto existem estrelas nessa galáxia. Tenho um velho amigo que gosta de dizer que a verdade depende muito do seu ponto de vista. Verdade não é o mesmo que fato, garoto. Você acredita no que você quiser.”