Alvo em movimento: uma história da princesa Leia

“Armas e guerras não fazem de você um Jedi.”

A Editora Seguinte tem uma “série” de três livros dos três principais personagens da primeira Trilogia Star Wars: Luke, Han e Leia. Ainda não tive a oportunidade de ler os dois primeiros, mas o da Leia já começo dizendo que vale a pena!

A história acontece entre os episódios V e VI — ou seja, entre a escapada da Cidade das Nuvens e o resgate de Han Solo. Sempre fui curiosa para saber mais sobre o que aconteceu nesse tempo. Aliás, amo a Leia. E gosto quando vejo explorarem mais a história da personagem, pois agora (ep VII) ela é General. Descobrimos seus sentimentos, dificuldades… enfim, a situação toda.

Leia está numa missão da Aliança juntamente com o técnico reparador abednedo Antrot, a operadora de comunicações cereana Kidi Aleri, o soldado de elite dresselliano Lokmarcha e o piloto sullustano Nien Nunb.

A apresentação dos personagens é muito boa e a personalidade de todos é bem delimitada, me deixando com vontade de conhecê-los mais, ler mais sobre eles em outras histórias. Leia precisa ser a líder, e ao mesmo tempo que seus companheiros estão a ajudando na missão, ela precisa ajudá-los com seus medos, anseios, angústias e convicções.

O amadurecimento da líder é o ponto alto. Se importar com os outros além de si mesmo, pensar na felicidade geral, no bem coletivo. O livro nos traz detalhes e complementa bem o espaço entre os eps V e VI.

Pra finalizar, essa leitura nos deixa com um pensamento o tempo todo: os fins justificam os meios?

PS.: Temos Poe Dameron no Epílogo! :D