Os cafés especiais da Estrada Real

Amantes da bebida têm mais um motivo para explorar os Caminhos

O café é, sem dúvida, quase uma unanimidade entre os brasileiros, sendo bem difícil encontrar quem não aprecie um cafezinho bem passado. E se você é realmente fã da bebida, saiba que o café é uma das estrelas gastronômicas do Caminho Velho.

Minas Gerais e São Paulo são os principais produtores de café no Brasil. A região da Mantiqueira se destaca. Aqui, por causa da altitude e da temperatura média anual, é produzido um café encorpado, levemente cítrico e com aroma frutado, que agrada bastante o paladar.

Muitas fazendas do estado cultivam grãos especiais, premiados e reconhecidos no mundo todo. O viajante que aprecia a bebida deve incluir em seu roteiro pelo menos uma visita a uma fazendo produtora de café. A experiência será ímpar.

Em Carmo de Minas é produzido um dos melhores cafés. Lá é possível visitar cafezais centenários e conhecer toda a cadeia produtiva, da plantação à xícara. No final do passeio, tem degustação de cafés especiais acompanhados de quitutes e do típico pão de queijo mineiro.

A cidade de Cristina, na parte sul da Mantiqueira, também oferece ao turista a oportunidade de conhecer de perto a produção de café. De maio a agosto, a Fazenda Santo Antônio recebe leigos e entusiastas para mostrar como é feito um dos melhores cafés do mundo, premiado nacional e internacionalmente.

Outras cidades famosas por produzirem ótimos cafés são Varginha, Pouso Alegre, Passos, Itajubá, São Sebastião do Paraíso, Santa Rita do Sapucaí, Andradas, Alfenas, Paraguaçu, Três Corações, Três Pontas, Fama, Muzambinho e Guaxupé.

Visite o site do Instituto Estrada Real e planeje sua própria rota do café!