Aquela da mania das listas: filmes, livros e séries de 2017

Alguém aí lembrou de Friends?

Uma das manias que tenho desde a época do Ensino Médio é a de registrar ao longo do ano, em uma lista, todos os filmes a que assisti e livros que li. Muita gente faz isso e talvez seria até mais interessante, neste post, eu tentar descobrir o porquê desse hábito do que realmente relatar o que segue abaixo. Mas me deem um desconto aí, já são quase quatro horas da manhã e não vai dar pra tentar descobrir o sexo dos anjos nesta altura do campeonato.

O que temos pra hoje é uma singela lista de uma mãe, esposa, dona de casa (confesso que bem pouco), jornalista, escritora e “motóra” de filho que conseguiu, em 2017, com muito suor, alcançar os seguintes números:

  • 27 filmes
  • 5 livros
  • 4 temporadas de uma única série: Friends

Sim, este desempenho está bem aquém do que acompanho nas redes sociais de amigos e conhecidos, mas estou felicíssima com ele. E sabe por que? Porque apesar de ter me custado boas horas de sono, ele representa as oportunidades que tive de relaxar a mente e aprender mais. Acredito que agradecer o que temos e não focar no que nos falta, até mesmo quando o “bem” que está escasso é o tempo, é uma forma mais generosa e sábia de viver.

Mas, voltando a lista… não vou citar tudo aqui, mas apenas os livros e filmes dos quais gostei mais (a ordem é cronológica e não de ranking):

Livros:

  • Uma vida com propósitos, Rick Warren
  • O apanhador no campo de centeio, J. D. Salinger

Filmes:

  • Capitão Phillips
  • O contador
  • Jackie
  • Bem-vindo a Marly-Gomont
  • Apenas uma chance
  • Até o último homem
  • Lion
  • Mulher-Maravilha
  • Assassinato no Expresso do Oriente
  • O cérebro de Hugo

Ah, este último é um documentário francês sobre autismo que vou detalhar um pouco nos próximos posts!

Beijos pra todos!


Texto publicado originalmente no dia 06 de janeiro de 2018.