Meninunes
Published in

Meninunes

Resultado da pesquisa sobre a evolução da carreira dos desenvolvedores Front-end

Não é de hoje que penso e reflito sobre a carreira de Front-end e sua evolução. E esse ano o assunto voltou em algumas conversas e então no início do mês de Março/2018 resolvi lançar uma pesquisa por conta própria e conferir os resultados.

Como não queria apenas de conhecidos e desenvolvedores locais, resolvi tentar atingir um público mais diversificado e espalhado pelo Brasil. Para isso postei uma issue no forum do frontendbr e incentivado pelo William Oliveira que me deu uma dica valiosa, disparei a pesquisa via Twitter pedindo ajuda de alguns desenvolvedores populares para atingir mais público.

Espero que ajude a comunidade de desenvolvedores a refletir também sobre o caminho e opções da carreira de Desenvolvedor Front-end que as empresas oferecem.

Ao todo, consegui coletar 73 respostas. Confesso que esperava uma participação bem maior! De qualquer forma, considero a pesquisa válida por um simples propósito e iniciativa pessoal.

Me surpreendeu "Software House" ter sido o maior número de participantes, esperava "Agência" ou "Startup", mas acredito que isso se deva ao público mais próximo de mim que tenha atingido naturalmente. Algumas respostas curiosas como "Empresa normal" e "Banco" entraram na lista.

A maioria das pessoas que responderam a pesquisa é Front-end Engineer, seguido por Full-stack, Front-end Designer e Arquiteto Front-end.
Fazendo uma ligação entre as duas perguntas, minha análise é que o perfil Full-stack não somente aparece em Startups (como eu imaginava) como também é uma realidade dentro das Software-Houses.
ps: Resta saber se os front-enders estão aprendendo back-end ou vice-versa!

Esta pergunta me foi a mais alarmante, pois demonstra que a maioria das empresas (seja qual for) não possui um Plano de Carreira para Front-end e os seguintes questionamentos me vêm a mente:
- Não existe plano para Front-enders, para Desenvolvedores ou não existe plano algo ?
- O Papel do Front-end ainda é desconhecido pelas empresas ?
- Qual a importância de existir um Plano de Carreira nas empresas ?
- Desenvolvedores não se importam com Plano de Carreira ?

Como é uma pergunta aberta e pela resposta anterior podemos ver que a maioria não possui um plano.

Nesta pergunta eu aprendi que deixar opção livre é horrível para consolidar dados 😳… Ainda mais quando ficou relativamente dúbio se as respostas "não" é que nunca foram Front-end ou se já foram mas que não trocou de papel 😕

Consolidei as migrações de papel da seguinte forma:

Maioria ainda é Front-end, porém muitos estão migrando para Full-stack e Arquitetura.

Minha análise desta última pergunta é que nós desenvolvedores e principalmente, (no caso desta pesquisa), os desenvolvedores Front-end possuem uma grande sede, vontade e abertura em aprender novos conceitos e técnicas diferentes. Buscando uma evolução constante!

Deixo meu muito obrigado a todas as pessoas que dedicaram 5 minutos para responder a pesquisa e entendo que mesmo sendo algo não oficial e que não vá afetar diretamente seu cenário de imediato, ter uma visão do que o mercado pratica nos trás conhecimento e força para buscar sempre exigir um mínimo das empresas de desenvolvimento e conhecermos melhor o mercado de trabalho.

--

--

--

Web Development by — Leandro “Little Big” Nunes

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store
Leandro Nunes

Leandro Nunes

Software Engineer @ CI&T | https://lnfnunes.com.br

More from Medium

Where it all Started…

Magical Journey: A Path to LCS Publication

My Journey out of Mormonism

THAT Subject..