Photo by Christin Hume on Unsplash

Ux Writing Challenge — Day 1

Quatorze dias e não só um, mas dois desafios


Hoje eu comecei um desafio. Há tempos estava querendo escrever. Mas estava sendo um daqueles desejos que raramente falam mais alto que assistir pela milésima vez Friends no Netflix. O fim de ano chegou e é óbvio que a Simone cantando “ e o que você fez? ’’ encostou na ferida. Daí, enquanto navegava por essa vastidão chamada internet, encontrei o Daily UX Writing Challenge e resolvi começar.

A proposta é fazer pequenos desafios de escrita por 14 dias seguidos e compartilhar os resultados. Para cada dia, é dado um cenário, o desafio e a quantidade de caracteres para cada parte do texto (no caso do dia um, o título, o corpo do texto e o botão do aplicativo) e a ideia é completar essa tarefa em 10 minutos, bem rapidinho mesmo.

Me empolguei e decidi estender o desafio para o medium, assim posso compartilhar não só o challenge do dia, mas também matar o que estava me matando — a vontade de escrever.

Funciona assim: você se inscreve pelo site https://dailyuxwriting.com e a cada dia recebe um e-mail com o desafio do dia. Ah, o desafio é todo em inglês, e resolvi seguir a escrita também em inglês para manter a prática.

O cenário do primeiro dia foi especialmente desafiador para mim por ter sido uma situação que passei somente alguns dias atrás. Uma viajante está no aeroporto esperando o voo para casa quando o voo é cancelado por uma tempestade no local de destino. O desafio é sobre como a companhia aérea vai avisar essa cliente pelo seu aplicativo sobre esse ocorrido.

No meu caso, tive um voo cancelado, fiquei quase 20 horas esperando o próximo voo e não recebi um comunicado oficial ou um posicionamento da empresa. Enfim…. Voltando para o desafio, a carinha dele é essa:

e-mail recebido do #uxwritingchallenge | https://dailyuxwriting.com

E, dez minutos depois, o meu resultado foi esse:

Headline: There’s always a rainbow after the storm…

Body: There is a huge storm in your destiny so we can’t be flying right now. But stay cool, as soon as the storm is over, we’ll be up in the sky to watch the rainbow.

Button(s): See what’s next

Pensei em como eu queria ser tratada nessa situação: com cuidado, tranquilidade e um pouco de graça. A comunicação é para um pop up no aplicativo, e, ao clicar no botão, você é direcionado à mais informações sobre o cancelamento e o próximo voo. Ao menos, é assim que eu faria caso tivesse uma companhia aérea (uma ideia que, inclusive, foi desenvolvida por horas durante as 20 horas que passei aguardando o meu voo — nada como ter tempo para matar, não é mesmo?)

O meu objetivo para esse primeiro dia foi me ater ao tempo. Tenho a tendência de me demorar em tarefas (alguns conhecem essa tendência como procrastinação) e dessa vez queria ser direta ao ponto. Me veio na cabeça a ideia do arco-íris após a tempestade, e decidi que esse seria o caminho a seguir sem pensar muito sobre isso.

A minha maior dificuldade no cumprimento do desafio foi o “button’’, confesso. Não soube como posicioná-lo e como manter a linguagem em tão poucos caracteres.

Mas, sem julgamentos de valor, amanhã é um novo dia, e volto com um novo desafio.