Rei Arthur: Um filme bom que não deu dinheiro?

Estrelado pelo ator Charlie Hunnam (Sons of Anarchy), a superprodução “Rei Arthur — A Lenda da Espada” se configurou como um dos maiores fracassos de bilheteria do cinema americano nos últimos tempos. Orçado em US$ 175 milhões (sem contabilizar gastos de distribuição e marketing), o filme do diretor Guy Ritchie naufragou em seu fim de semana de estreia na América do Norte, arrecadando apenas US$ 14,7 milhões. Os resultados foram piores que as expectativas, já reduzidas, acerca da arrecadação do filme. O The Hollywood Reporter, por exemplo, estimou que Rei Arthur faria US$ 25 milhões em sua estreia nos EUA.

Mas… será um problema apenas do filme ou um lançamento suicida, tentando enfrentar recordistas de bilheteria?

Assim como em Sherlock Holmes e Snatch — Porcos e Diamantes, Guy pega uma história clássica e dá toques contemporâneos. Em termos de direção, o novo Rei Arthur é incrível. Ritchie utiliza movimentos de câmeras inusitados, flashbacks, flashforwards, montagens alternadas (quando vemos dois acontecimentos paralelos se revezando em tela) e outras técnicas que servem bem à narrativa.

O maior problema de Rei Arthur: A Lenda da Espada está em seu terceiro ato, quando o filme tenta ser um épico de fantasia grandiloquente e deixa sua identidade de lado para se tornar uma aventura genérica. Rei Arthur se tornou um filme divertido, mesclando Jax Teller ( Sons of Anarchy — interpretado por Charlie Hunnam ) com um universo mais ‘‘Humano’’ nunca visto antes em qualquer história sobre a lenda.

Porém! Um filme divertido tem problemas em competir com um filme tão esperado pelo público!

Eis que Guardiões da Galáxia Vol. 2 estréia grandiosamente, tirando todo o foco de Rei Arthur, tornando-o um grande prejuízo para a Warner. E assim ficou o ranking de bilheterias do mercado americano (que contabiliza EUA e Canadá) na semana do dia 14/05:

1. Guardiões da Galáxia Vol. 2 (2ª semana)
Renda: US$ 63 milhões 
Renda acumulada: US$ 246,2 milhões

2. Snatched (estreia)
Renda: US$ 17,5 milhões

3. Rei Arthur: A Lenda da Espada (estreia) 
Renda: US$ 14,7 milhões

4. Velozes e Furiosos 8 (5ª semana)
Renda: US$ 5,3 milhões 
Renda acumulada: US$ 215 milhões

5. O Poderoso Chefinho (7ª semana) 
Renda: US$ 4,6 milhões 
Renda acumulada: US$ 162,4 milhões

Rei Arthur: A Lenda da Espada é um filme honesto, daqueles que você vê enquanto come pipoca. Talvez era isso que Guy Ritchie queria, afinal, esse é o seu tipo de filme favorito.

Rei Arthur: A Lenda da Espada estreou dia 18/05.