Magno Calderon
Aug 30 · 7 min read
Créditos da imagem: Amazon Prime Vídeo/Divulgação

Eu sei que se você chegou até aqui deve estar procurando aquela série pra chamar de sua. Esta é uma tentativa de lista sem aquelas sugestões super óbvias que com certeza você já devorou seis meses atrás.

Abaixo estão algumas das melhores séries de 2019 que estão te esperando nos catálogos da Netflix, Amazon Prime e HBO GO.

6 — Mozart in the Jungle

Mozart In the Jungle — Créditos da imagem: Amazon Prime/Divulgação

Não é exatamente de 2019, mas de todas é a série menos óbvia. A comédia do Amazon Prime teve nesse ano sua quarta e última temporada encerrando a narrativa que tem como plano de fundo a Orquestra de Nova York, muita música e o universo musical como protagonista de cada episódio.

Se você gosta de música vai se encantar com Mozart in the Jungle. A série sobre um maestro excêntrico vivido por Gael Garcia Bernal que assume a sinfônica de NY, e as trajetórias dos músicos que o cercam. Os violoncelos, violinos, flautas e até oboés da série vão te fazer querer ir ver a orquestra da sua cidade.

É o tipo de série que recomendo para todo mundo, e na pior das hipóteses você vai entender o que um maestro faz. Disponível no prime vídeo.

Por que assistir: É muito leve, sobre música e realmente fácil de gostar.
Talvez você goste se curtiu: Escola de Rock, Sing Street, Nick and Norah’s Infinite Playlist.

5 — Atlanta

Atlanta — Créditos da imagem: FX/Divulgação

Mais uma coisa brilhante que tem Donald Glover envolvido. Muito além do personagem dele, você precisa conhecer o Darius e o primo Paper boi em sua trajetória para tentar construir carreira no rap depois de bombar um single. Também não é exatamente deste ano, mas essa temporada amadureceu a série como uma das melhores coisas para assistir em 2019.

Atlanta é uma série que parece despretensiosa frente a algumas coisas ideologicamente politizadas que a Netflix faz, mas que acabam soando artificiais. Atlanta é justamente o contrário, trata as questões raciais com um olhar de quem está dentro, com a abordagem empática que o tema precisa. É leve, engraçado e, principalmente, bem importante.

São episódios curtinhos e as 2 primeiras temporadas estão disponíveis na Netflix.

Por que assistir: É a melhor coisa do Donald Glover, é muito atual, divertido e é fácil de ver, porque tem na Netflix.
Talvez você goste se curtiu: Insecure, Everybody Hates Chris. (Parece aleatório, mas confia. Meu algoritmo funciona mais que o TasteDive)

4 — Insecure

Insecure — Créditos da imagem: HBO/Divulgação

Sabe quando acontece uma coisa e depois você fica imaginando o que devia ter dito ou feito naquele momento? Isso rola bastante com a Issa em situações esdrúxulas do tipo "como eu vim parar aqui?".

De uma forma engraçada, inteligente e bem compatível com a realidade de 2019, essa série é sobre uma mina que basicamente é você na vida: Ela se ferra tanto quanto você, não faz muita ideia do que está fazendo e também queria estar fazendo outras coisas no trampo e relacionamentos.

Insecure já tem 3 temporadas, uma playlist bem legal e aborda questões de racismo e feminismo com uma sutileza bem interessante.

Por que assistir: Além de tudo que falei, ainda tem essa mina genial no auge.

3 — Years and Years

Years and Years — Créditos da imagem: HBO/Divulgação

Black Mirror é legal, mas as vezes vai longe demais, né?
Years and Years segue a mesma linha narrativa das consequências da evolução da tecnologia, internet e aplicativos na vida das pessoas, só que com acontecimentos mais palpáveis. Coisas que a gente já consegue ver acontecendo.

A série acompanha os acontecimentos de uma família britânica em meio as mudanças políticas, crise climática, mudanças de comportamento, crises migratórias, colapso dos bancos e a toda uma serie de transformações que provavelmente poderão acontecer nos próximos anos. (Incluindo o fim das bananas).

A narrativa e os acontecimentos vão até 2030 e vale a pena conferir as previsões que a série faz. São 8 episódios saindo do forno na HBO GO.

Por que assistir: É como assistir o que vai acontecer no mundo nos próximos 10 anos, com possibilidades realmente reais.
Talvez você goste se curtiu: Black Mirror, Modern Family (mas nem tanto).

2 — Euphoria

Créditos da imagem: HBO/Divulgação

Drogas, festas e tretas pesadas de adolescentes americanos na realidade de 2019. Na descrição parece mais do mesmo, mas na tela a HBO conseguiu acertar em Euphoria um tom bem sincero para contar histórias verossímeis sobre assuntos que podem estar rolando com essa geração.

A protagonista é a Zendaya, muito mais a vontade como a dependente química juvenil Rue, do que como namoradinha do homem aranha. A série mostra relações dos mais jovens com as drogas, questões de gênero, sexo, modos de ganhar dinheiro, apps, internet e tudo mais.

Apesar de ter adolescentes, não é uma série adolescente. A primeira temporada chocante acabou esses dias e a série já foi renovada.

Por que assistir: Vai te dar um pacote de atualizações sobre jovens em 2019.
Talvez você goste se curtiu: Sex education, Girls.

1 — Fleabag

Fleabag — Créditos Amazon Prime Vídeo/Divulgação
Fleabag — Créditos Amazon Prime Vídeo/Divulgação
Créditos da imagem: Amazon Prime Vídeo/Divulgação

A melhor coisa que assisti esse ano. Apesar de ainda ser agosto, acho que nada vai conseguir superar a personagem da brilhante Phoebe Waller-Bridge pensando alto e conversando com a câmera.

Os episódios são bem curtinhos e se passam no cotidiano em situações normalmente surreais que acontecem com a protagonista, mas que poderiam acontecer qualquer um de nós. A parte genial é a quantidade de pensamentos inteligentes e sacadas irônicas que Fleabag coloca na tela, em um timing excelente.

Já tem 2 temporadas disponíveis no Amazon Prime e recebeu simplesmente 11 indicações ao Emmy. Se você ainda não viu, parabéns. Acabou de encontrar um programa pra hoje a noite.

Por que assistir: É a melhor coisa de 2019 e sinceramente é quase uma falha de caráter você ainda não ter assistido.

BÔNUS BÔNUS
BÔNUS BÔNUS

Podiam estar na lista, mas não estão.

Amy Adams de moletom preto no solzão por 8 episódios. Créditos da imagem: HBO/Divulgação

Muita gente é fã hard de The Marvelous Mrs. Maisel, mas não funcionou pra mim. A estética é realmente bem bacana e a narrativa pode até ser legal, mas se existe algo para o qual não tenho a menor paciência é a tal da comédia stand-up. Todo o resto é legal, dai se você não tem problemas com stand-up, pode gostar. Então leia isso como uma pseudo-indicação, ok?

Outra que bate na trave é Sharp Objects da HBO. Tem quase tudo pra ser um bom suspense, mas pra mim faltou algo. Além da pequena angústia de ver Amy Adams de moletom preto num calorão do interior, não sei se foi o ritmo arrastado ou o rumo que a narrativa tomou, mas no fim fica o sentimento de que podia ter sido muito melhor. Literalmente os últimos segundos da série compensam, então leia como uma meia indicação, também. Certo?

Ótimas, mas que todo mundo conhece

Chernobyl — Créditos da imagem: HBO/Divulgação

Além do Top6, outras mais conhecidas como Chernobyl, Big Little Lies, Dark e Russian Doll merecem uma menção honrosa.

Chernobyl é simplesmente a série mais bem avaliada do IMDB na história e os 5 episódios mostram como tudo aconteceu numa narrativa quase impecável. Além do sucesso que ajudou a HBO GO segurar a assinatura dos órfãos de Game of Thrones, a série também levantou a discussão no mundo real sobre os reatores ainda em atividade e deixou o governo russo muito puto.

Outra série já super conhecida que merece aplausos de pé é Big Little Lies. Não satisfeita com o super elenco que já contava com Nicole Kidman, Zoe Kravitz, Reese Witherspoon e Laura Dern, a segunda temporada trouxe uma Meryl Streep genial. Se você ainda não viu, corra.

Ps: Se você já viu todas essas que citei, pula pro lado de cá do balcão e deixa suas sugestões nos comentários.

NEW ORDER

Produção colaborativa de histórias e tendências para instigar você. Somos a primeira e maior publicação brasileira no Medium, vamos juntos?

Thanks to Fernanda Turino

Magno Calderon

Written by

Escrevo para ~quem sabe um dia~ poder ganhar a vida contando histórias e viajando o mundo como a Glória Maria.

NEW ORDER

NEW ORDER

Produção colaborativa de histórias e tendências para instigar você. Somos a primeira e maior publicação brasileira no Medium, vamos juntos?

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade