Go to NEW ORDER
NEW ORDER
Letter sent on May 29, 2016

TRENDR 500: a semana na Revista Trendr (22/05 a 28/05)

Chegamos a marca de 500 textos publicados colaborativamente e um novo posicionamento: À frente e disruptiva

Trabalhamos colaborativamente e isso não é novidade para ninguém, é a nossa essência. Colaborando, chegamos a 500 textos publicados. Vários escritores preocupados em serem disruptivos, dentro do conteúdo que propõem.

Somos à frente pois somos pioneiros, estamos desbravando o Medium desde o início de sua caminhada. Caminhamos e crescemos juntos com ele. Disruptivos pois buscamos ir além, quebrar paradigmas, instigar o pensamento de todos nossos leitores. Buscamos inovação, sinapses, discussões. Evolução.

Aliás, para evoluirmos ainda mais e trazer cada vez mais os melhores conteúdos, você pode ajudar respondendo nossa pesquisa: http://goo.gl/forms/F0ONaJ2JAFMJYhgN2


A SEMANA NA REVISTA TRENDR

__As Rapidinhas do nosso colunista Giovani Ferreira são só sucesso. Quer maneira melhor de consumir o que aconteceu na semana? A RAPIDINHA #004 está imperdível: surpresa no show do Radiohead; conversa e discussões a cerca da língua portuguesa; muita arte e design para você.

__Adriano Vilas Bôas falou sobre meritocracia e ações políticas em seus quadrinhos na coluna ILUSTRE.


__O caso Ana Hickman assustou o Brasil e teve muita repercussão esta semana. Matheus Graciano trouxe uma contextualização falando de quando a internet mata. — Leia na íntegra

__A Geração Y tem dado o que falar e Luciana Bento nos fez a pergunta: estamos preparados? Leitura obrigatória. — Leia na íntegra

__Você é ligado nos aplicativos que estão na crista da onda? Ericka Moderno Rocha chegou na Revista Trendr já mandando ver. O “snapchatismo” do mundo foi um dos textos mais lidos da semana. — Leia na íntegra


__Esta semana também assustou pelo caso do estupro de uma menina de 17 anos no RJ. Foram 33 homens. Tudo foi divulgado nas redes sociais através de um vídeo. Joao Nemi Neto publicou “30 homens do lado de milhões coniventes, é consternador saber que sim, estamos mais próximos do que imaginamos de alguém que já foi violentada. E o que fizemos?

__Natalia Castro pediu a palavra e falou bem alto: Não somos um objeto que alguém esqueceu de guardar num cofre! Seguindo a linha, Alex Piaz falou sobre o ocorrido e em tom exclamativo se posicionou: O mal nos deve fazer enxergar.

__Laura Pires falou de mulher e falou de amor, mas E se eu não quiser casar? Ela traz um pouco do que aprendemos desde criança.


Como de costume, todo domingo trazemos o que aconteceu de mais importante na Revista Trendr nos últimos 7 dias. Confira abaixo os demais textos da semana por categoria:

→ COMPORTAMENTO

Afinal, WTF eu quero? por Coaching Criativos

Apenas diga não, por Ericka Moderno Rocha

E se eu não quiser casar? por Laura Pires

→ CULTURA

Qual o lançe do horóscopo, por Camilo Salvador

O que a liderança brasileira deve aprender com o Vale do Silício, por Bruno de Almeida

→ POLÍTICA

Jucá, o boi de piranha para temer chegar “do outro lado da margem”, por Cileide Alves

Mídia internacional se espanta com o sistema político brasileiro, por Cileide Alves

A cultura de volta pra escola, não, pera, por Guilherme Schütz

A cultura do Brasil precisa de ministério? por Dimitri BR

O Mi(ni)stério do fim da cultura, por Rodrigo Teixeira

→ MEIO AMBIENTE

Abril em chamas, maio em tempestade. O que virá a seguir? por Alex Piaz

→ NEGÓCIOS

Porque devemos parar de contratar as pessoas por seus bons currículo, por Ericka Moderno Rocha

Se não fosse pelo dinheiro, que tipo de trabalho você gostaria de estar fazendo, por Murillo Leal

Fazer o que gosta é um conselho enganador, por Alexandre Secco

A primeira semana de Uber, por Fábio Fleury

Procura-se unicórnios, por Gabriela Izique

Eu já sabia, por Ericka Moderno Rocha

→ SOCIEDADE

Eventos paracem ser caóticos, mas não são, por Julia Michaels

O que temos a aprender com o Estado Islâmico, por André Silva

Sinapses sociais, por André Silva

→ TECNOLOGIA

O algorítimo do Facebook e os coletivos mídiáticos, por M.C. Aquino Bittencourt

Fui um robô disfarçado por dois meses, por Gabriela Izique


Não esqueça de colaborar para o crescimento coletivo de editores/escritores/leitores da Revista Trendr, a pesquisa é rapidinha:

http://goo.gl/forms/F0ONaJ2JAFMJYhgN2

Bom início de semana! Se gostou, recomente ❤

Like what you read? Give New Order - Redação a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.