Altura de fazer mudanças?

Em setembro, o portefólio segue com uma rentabilidade negativa de 7.2%, o que significa que este deverá ser o quarto mês com prejuízos nos últimos cinco. A pergunta impõem-se: não é tempo de fazer alterações?

A resposta é obviamente subjetiva e será difícil distinguir o certo do errado. Há muitos fatores a considerar nesta matéria, aos quais cada apostador atribui importância diferente. Como um dos propósitos destes textos é partilhar a minha forma de gerir um investimento deste tipo, vou falar do principal fator que me faz continuar fiel ao plano, mantendo a confiança de que o tempo irá, mais cedo ou mais tarde, trazer os resultados que espero.

Valor vs Resultados

Nas apostas desportivas existe uma verdade incontornável: não é a percentagem de acerto que vai garantir lucro no longo prazo, mas sim a capacidade de fazer apostas a odds com valor. Já falei desta questão anteriormente, mas volto a dar um exemplo:

Se o Benfica jogar com o Barcelona, acredito numa vitória do Benfica? (Racionalmente) não. Isso significa que não vou apostar no Benfica? Depende! Se a odds da vitória do Benfica for de 50 (recebo 50€ por cada 1€ apostado) concerteza que irei apostar, porque considero que a probabilidade de vitória é superior à de 2% que a odds transmite (1/50=0.02). Neste caso, 50 seria uma odds (claramente) com valor.

estudos que demonstram que as odds de um jogo imediatamente antes do seu início (chamadas closing lines ou closing prices) são uma estimativa fiável das reais probabilidades de cada acontecimento. Isto porque nessa altura o mercado já terá incorporado todas as análises e informações relativas ao jogo (equipas titulares, estado do tempo, lesões de última hora, entre outras).

Isto significa que se a odds a que um tipster recomenda uma aposta (normalmente várias horas ou dias antes de um jogo começar) for superior à closing line, então está a recomendar uma aposta com valor. Se isto acontecer na maioria das recomendações, então as probabilidades estarão a favor deste tipster e o seu valor esperado será positivo. É precisamente isso que tem acontecido com os meus tipsters: apesar dos maus resultados, as recomendações têm sido feitas maioritariamente a odds com valor (acima das closing lines), o que me indica que o trabalho deles continua a ser bem feito.

É evidente que serão sempre os resultados a ditar o sucesso ou insucesso de qualquer investimento. No entanto, quando os resultados são muito bons ou muito maus (o que é infelizmente o caso) convém fazer uma análise mais profunda para não se tomar decisões com base apenas em períodos de boa ou má variância. Os resultados recentes têm sido negativos, abaixo do que eu próprio esperava, mas os números mostram-me que, pelo menos para já, não é altura de fazer mudanças.

“A paciência é um dos mecanismos que impedem os apostadores de se desviarem de um juízo racional”.