PRODUÇÃO CASEIRA NAS CANTINAS

Levando o gostinho de casa para as escolas

Quem é que não gosta de um bolo caseiro? Ou daquela receita de vó que traz uma lembrança especial em cada garfada? Pensando em oferecer produtos mais caseiros e “naturais”, somado à dificuldade de encontrar marcas industrializadas legais a um preço acessível, cada vez mais cantinas têm incluído itens de produção própria em seus cardápios. Mas será que qualquer cantina consegue fazer essa mudança? Será que é muito trabalhoso? E quais os benefícios de se estruturar para fazer produtos caseiros?

Entrevistamos 3 cantinas parceiras da Nutrebem para conseguir compartilhar algumas dicas valiosas. A Honey Bee de Belo Horizonte, a Cor do Sabor do Rio de Janeiro e a Lanche & CO de São Paulo.

MOTIVOS PARA COMEÇAR

O ponto mais destacado entre as 3 cantinas foi a flexibilidade em criar os produtos desejados com uma qualidade final melhor. A Lara Folster, proprietária da Lanche & Co, destacou o que despertou a vontade de produzir itens caseiros:

Comida de verdade é o nosso lema! A produção diária dos itens ofertados, nos traz a segurança de fazer produtos de qualidade, com ingredientes escolhidos por nós, com vários sabores novos utilizando insumos da safra. Faz parte da Lanche&Co trazer os aromas para dentro da escola, o cheirinho de um pão fresco, de um cookies de cacau com aveia, toma os corredores do espaço escolar.
UMA DAS UNIDADES DAS CANTINAS LANCHE & CO

A Marília Magalhães, proprietária do Honey Bee, sentiu uma diferença grande no sabor e na qualidade dos produtos, quando comparados aos industrializados. A cantina produz todos os seus salgados internamente em todas as suas 6 unidades e comentou o que acha interessante na produção de caseiros:

A possibilidade de criar novos produtos, a escolha dos insumos e principalmente, a melhoria na qualidade do produto vendido, uma vez que, os salgados frescos são mais saborosos!

Já para Cíntia Ferreira, nutricionista da A Cor do Sabor, a empresa já se preocupava em servir uma alimentação saudável, mas foi no começo desse ano que realmente colocaram em prática um novo conceito criado por eles, da “cantina comida de verdade”:

Em 2017 organizamos uma verdadeira revolução quanto a alimentação oferecida. Neste conceito sempre priorizamos os alimentos produzidos em nossa cozinha como: bolos, sanduíches naturais, mate, sucos de polpa de fruta, wraps entre outros.

CUSTO BENEFÍCIO: O ESFORÇO VALE A PENA?

Como toda mudança, para começar a fazer produtos internamente na cantina, é necessário se organizar: não só para comprar os ingredientes e testar produtos, mas para reestruturar as atividades dos funcionários e a rotina da cantina.

A ideia não é ter uma cantina com 100% dos produtos caseiros, afinal a maioria não possui uma estrutura para fazer vários produtos internamente. Mas vale começar aos poucos e ir fazendo testes: comece fazendo alguns lanches, um bolo, um suco. Qualquer mudança já é positiva, então cada cantina pode optar por preparações que se encaixem melhor na sua estrutura física e de funcionários. Foi o que a cantina A Cor do Sabor fez:

Alguns de nossos produtos ainda são terceirizados devido ao nosso espaço físico, mas sempre optamos por produtos que não possuam uma validade tão longa de prateleira.
EQUIPE DA CANTINA A COR DO SABOR

Mudar é sempre um desafio, mas as cantinas que se animaram a fazer produtos caseiros já conseguem ver bons resultados, seja na satisfação de estar alimentando melhor seus alunos, como também no aumento de alunos consumindo na cantina — um reflexo dos pais que ficaram mais confiantes com o cardápio oferecido, como a Marília notou:

Acredito que os responsáveis confiem mais nos produtos de produção própria, pois, não há aditivos químicos ou conservantes na composição. E a produção e consumo acontecem no mesmo dia.
EQUIPES DAS CANTINAS HONEY BEE

Além disso, a Lara nos contou que essa mudança da cantina muitas vezes acaba refletindo na casa dos alunos e os pais se mostram mais interessados no assunto:

Muitos pais nos pedem receitas, cardápios, inclusive damos aulas de culinárias para as famílias!
UMA DAS COZINHEIRAS DA LANCHE & CO E OS DELICIOSOS CUPCAKES CASEIROS DE CACAU 100% COM LINHAÇA

UM DIFERENCIAL MUITO SABOROSO!

Além de todos os benefícios nutricionais para os alunos, as cantinas que se preocupam em oferecer itens caseiros em seus cardápios também ganham pontos com as escolas e acabam se destacando no mercado. A cantina Honey Bee vê a produção própria como um ponto positivo para entrar em outras instituições:

Além da qualidade diferenciada, esta produção permite que a instituição defina o mix ou a criação dos produtos que desejar.

A Lara também considera esse um diferencial e diz que as escolas procuram sua cantina justamente porque produzem muitos itens internamente:

A produção diária, com produtos frescos, sempre com o toque da Lanche&Co, cheio de nutrientes, traz verdade aos pais que confiam na escola e em nosso trabalho.

Para aquelas que se animarem para começar ou aumentar a produção caseira, a Cíntia reforça que o segredo é organizar bem a equipe:

Com um organograma bem elaborado, cada um com suas funções e datas de preparo a produção rola de modo mais tranquilo.

E a Lara revelou para gente o tempero especial das suas cantinas:

Estudo, procedimento, capacitação, reciclagem da equipe e amor ao que faz :)

Para facilitar quem já quer dar o ponta pé inicial fica a dica das cantinas de qual é o item mais fácil de produzir e que faz mais sucesso entre os alunos: os bolos! Que tal se programar para testar uma receita em sua cantina nas próximas semanas? Uma receita rende várias fatias e se assar o bolo próximo ao horário do recreio certamente o cheirinho no ar deixará os alunos curiosos com a novidade.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.