O preço da coerência

O PSL (Partido Social Liberal) é um dos partidos que entendeu as mudanças correntes na sociedade e vem tentando se reformular, abandonando discursos genéricos por uma pauta claramente liberal/libertária e buscando coerência em suas ações. Ele chamou minha atenção com propagandas partidárias muito boas e propositivas, com objetivos claros e sem generalismos “pelo progresso do Brasil” ou “pelos trabalhadores” como outros partidos.

Ontem veio a decepção: na votação contra o UBER e outros aplicativos, os dois deputados do PSL votaram a favor da medida, em essência traindo a nova pauta do partido. As críticas ao PSL foram fortes e acertadas.

Hoje veio a resposta: os dois deputados foram desvinculados da legenda. Isso sim é cortar na carne: junto com os dois deputados, o partido perde valor do Fundo Partidário, tempo de televisão e representatividade no Congresso, mas recupera sua credibilidade.

Parabenizo o PSL por fazer esse ato de contrição. O que o Brasil precisa agora é de coerência e clareza nas ideias, não proselitismo barato e oportunista.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Tiago Moreira’s story.